IMAGEM E POESIA – Por José Magalhães (31)

imagenspoesia1

DE TANTO OLHAR

DSC04321-Praia-de-Gondarém---Gilreu1000x

De tanto olhar
Tanto olhar
Olhos perdidos
Na lonjura das águas
Vejo-me nos tempos idos
E recordo as minhas mágoas

De tanto olhar
Tanto olhar

 

(In Uma, Duas Vezes e Três)

 

VAMOS DE FÉRIAS

ESTAREMOS DE VOLTA A 5 DE SETEMBRO

ATÉ LÁ FIQUEM BEM, INUNDADOS DE POESIA.

 

About José Fernando Magalhães

Escrevo e fotografo pelo imenso prazer que daí tiro

One comment

  1. Pingback: IMAGEM E POESIA – Por José Magalhães (31) | joanvergall

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: