A ESQUERDA NO GOVERNO, por JOSÉ LUÍS FIORI

OBRIGADO A JOSÉ LUÍS FIORI, A TERRA É REDONDA E CAMILO JOSEPH

 

 

 

A Esquerda no governo.por José Luís Fiori

A Terra é Redonda, 5 de Fevereiro de 2020

Selecção de Camilo Joseph

 

Um balanço das lições históricas do exercício do poder por partidos de esquerda na Europa e na América Latina, a partir de suas políticas econômicas “keynesianas” ou nacional-desenvolvimentistas

 

Entre 1922 e 1926, Leon Blum desenvolveu uma distinção conceitual entre a “conquista do poder” e o “exercício do poder”. A “conquista do poder” era uma ideia revolucionária embora não fosse necessariamente um ato violento, que levaria a uma nova ordem social baseada em novas relações de propriedade. O segundo conceito –o de “exercício do poder” – funcionaria como uma justificação teórica para quando o Partido Socialista Francês fosse obrigado a governar, antes que as condições da conquista do poder estivessem maduras”.

Ao começar a terceira década do século XXI, a esquerda e as forças progressistas da América Latina estão sendo chamadas para governar o México e a Argentina, e o mesmo deve acontecer no Chile e na Bolívia, depois de suas eleições presidenciais de 2020. E não é impossível que isto se repita no Brasil, e até mesmo na Colômbia, depois de 2022.

Num momento em que cresce em todo o continente latino-americano – menos no Brasil, por enquanto – a consciência de que as políticas neoliberais não conseguem atender à necessidade de um crescimento econômico acelerado, nem muito menos a urgência da eliminação da miséria e da diminuição da desigualdade social. Mas em um momento em que também cresce a consciência de que o velho modelo nacional-desenvolvimentista esgotou seu potencial, depois de completar a agenda da Segunda Revolução Industrial, e depois perder o apoio norte-americano, no final dos anos 70.

 

Continue a ler clicando em:

A esquerda no governo

 

*José Luís Fiori é professor do Programa de Pós-Graduação em Economia Política Internacional da UFRJ.

Este artigo reedita, atualiza e desenvolve informações e ideias que apareceram no texto “Olhando para a esquerda latino-americana”, publicado em Diniz, E. (org). Globalização, Estados e Desenvolvimento, FGV Editora, Rio de Janeiro, 2007.

 

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

2 comments

  1. *NÃO SE ILUDA COM OS MILICIANOS, NÃO SE ILUDA COM AS BABAQUICES DA TROUPE DO PARASITA*
    > https://youtu.be/gVb5KDCx-Uo

    *A turma do Energúmeno parasita está a nos distrair, atrair, trair, subtrair e destruir. E estamos quietos.*
    > https://gustavohorta.wordpress.com/2020/02/26/a-turma-do-energumeno-parasita-esta-a-nos-distrair-atrair-trair-subtrair-e-destruir-e-estamos-quietos/

    *A turma do Energúmeno parasita está a nos distrair, atrair, trair, subtrair e destruir. E estamos quietos.*

    *CANALHAS, CANALHAS, CANALHAS!!*

    Nada do que está acontecendo está acontecendo por acaso.

    Enquanto estamos distraídos com as palhaçadas do energúmeno parasita miliciano e a sua trupe circense de bandidos e idiotas os poderosos endinheirados estão entregar o nosso país.

    Enquanto estamos distraídos com o assassinato do Adriano nosso país vai sendo subtraído.

    Enquanto estamos distraídos com os desfiles das escolas de samba colocando energúmeno parasita em seu devido lugar, estamos também sendo traídos.

    Enquanto estamos distraídos, enquanto somos atraídos, somos traídos, subtraídos e destruídos.

    E o pior de tudo é que a quadrilha que sustenta o energúmeno parasita e sua trupe do poder está tendo sucesso com a sua estratégia destruidora e entreguista.

    Enquanto estamos distraídos então destruindo nosso país e a nossa nação. Nosso país e nossa nação, nosso povo e nossa gente estão sendo destruídos. E sequer é pouco a pouco.

    Com o SUPREMO, com TUDO. Com as Tênues Desarmadas, tchutchuca contra os entreguistas e traidores da pátria e Armadas e poderosas nas ações para submeter, subjugar o povo brasileiro. Todos notifiis traidores da pátria.

    A destruição está sendo rápida e “construída” de forma Irreversível e irreparável, nos famosos atos jurídicos perfeitos.

    Enquanto distraídos estamos sendo fodidos.

    gustavohorta.wordpress.com

  2. Pingback: A ESQUERDA NO GOVERNO, por JOSÉ LUÍS FIORI — A Viagem dos Argonautas | Gustavo Horta

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: