HOJE, DIA 26 DE ABRIL, NA CASA DA MÚSICA, PORTO, GRANDE MÚSICA PROIBIDA II

No dia 26 de Abril, às 18 horas, na sala Suggia, pode ouvir Remix & Sinfónica, integrado na “Música e Revolução” que decorre até dia 30 de Abril.

26.,4 cm

1ª Parte

 

As magníficas canções de Zemlinsky na orquestração de Erwin Stein abrem um programa dedicado à música banida pelo III Reich. A música arrebatadora e intensamente romântica da abertura da ópera Die Gezeichneten e da Sinfonia de Câmara leva-nos ao encontro de Franz Schreker, justamente um dos mais bem-sucedidos compositores do início do século XX. A crescente popularidade que Kurt Weill alcançou no início da década de 1930 transformou-o numa vítima da hostilidade Nazi, razão pelo qual o compositor judeu abandonou definitivamente a Alemanha em 1933. Nos solos de trompete da Segunda Sinfonia não podemos deixar de nos lembrar das canções de cabaré e alguns elementos de paródia são considerados uma alusão à Alemanha dos anos 30.

Leave a Reply