Category Archives: Linguagem

5-a

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – OS ARTIGOS IMPUBLICÁVEIS – ARRISCARÍASSE

    “Arriscaríasse”. E não “arriscar-se-ia”. Era pelo menos esta a opinião e modo de a expressar, no dialecto do jornalista – certamente bem pago – que nos fornece noticiário e eventuais comentários, na inefável SIC Notícias de todos nós.

5-a

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – OS ARTIGOS IMPUBLICÁVEIS – ARRISCARÍASSE

    “Arriscaríasse”. E não “arriscar-se-ia”. Era pelo menos esta a opinião e modo de a expressar, no dialecto do jornalista – certamente bem pago – que nos fornece noticiário e eventuais comentários, na inefável SIC Notícias de todos nós.

livros

A GALIZA COMO TAREFA – das velhas traduções – Ernesto V. Souza

Uma das cousas, para mim, que melhor demonstra o golpe de tópicos sobre as línguas é o tempo. Há certas singularidades que manifestam esta passagem das décadas em forma de surpresas ou irritantes mistérios na leitura dos livros velhos. Por que

livros

A GALIZA COMO TAREFA – das velhas traduções – Ernesto V. Souza

Uma das cousas, para mim, que melhor demonstra o golpe de tópicos sobre as línguas é o tempo. Há certas singularidades que manifestam esta passagem das décadas em forma de surpresas ou irritantes mistérios na leitura dos livros velhos. Por que

rui-rosado-vieira

A GERINGONÇA – por Rui Rosado Vieira

Informa-nos o “Diário de Notícias”, na sua edição de 4 de Janeiro passado: A “geringonça” foi eleita a palavra do ano (…) anunciou hoje a Porto Editora, promotora do evento”. O vocábulo “geringonça” tem origem numa reacção do antigo líder

rui-rosado-vieira

A GERINGONÇA – por Rui Rosado Vieira

Informa-nos o “Diário de Notícias”, na sua edição de 4 de Janeiro passado: A “geringonça” foi eleita a palavra do ano (…) anunciou hoje a Porto Editora, promotora do evento”. O vocábulo “geringonça” tem origem numa reacção do antigo líder

28-a-30-de-janeiro-de-2017

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – OS AMIGOS DESCONHECIDOS: MAIAKOVSKI – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – LEITURA: A PALETA E O MUNDO – CINEMA: HASTA LA VICTORIA SIEMPRE + HISTORIAS DE LA REVOLUCION

MAIAKOVSKI Sábado, 28 de Janeiro, 16h Uma sessão de leituras, músicas, projecções e conversa sobre Vladimir Maiakovski. «Os amigos desconhecidos» é uma rubrica em que falamos dos amigos que Mário Dionísio nunca conheceu, mas que têm aspectos em comum com

28-a-30-de-janeiro-de-2017

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – OS AMIGOS DESCONHECIDOS: MAIAKOVSKI – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – LEITURA: A PALETA E O MUNDO – CINEMA: HASTA LA VICTORIA SIEMPRE + HISTORIAS DE LA REVOLUCION

MAIAKOVSKI Sábado, 28 de Janeiro, 16h Uma sessão de leituras, músicas, projecções e conversa sobre Vladimir Maiakovski. «Os amigos desconhecidos» é uma rubrica em que falamos dos amigos que Mário Dionísio nunca conheceu, mas que têm aspectos em comum com

21-a-23-de-janeiro-de-2017

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – CONVERSA: A LUTA DE LIBERTAÇÃO CURDA – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – A PALETA E O MUNDO: RECUSA E INTERVENÇÃO – CINEMA: L’AMBASSADE + A TERRA PROMETIDA

A LUTA DE LIBERTAÇÃO CURDA Sábado, 21 de Janeiro, 16hA Casa da Achada recebe o colectivo Rojava Azadî, de Madrid, e Nesrin Usif, uma das representantes internacionais do movimento das mulheres curdas, para falar sobre a luta das mulheres e

21-a-23-de-janeiro-de-2017

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – CONVERSA: A LUTA DE LIBERTAÇÃO CURDA – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – A PALETA E O MUNDO: RECUSA E INTERVENÇÃO – CINEMA: L’AMBASSADE + A TERRA PROMETIDA

A LUTA DE LIBERTAÇÃO CURDA Sábado, 21 de Janeiro, 16hA Casa da Achada recebe o colectivo Rojava Azadî, de Madrid, e Nesrin Usif, uma das representantes internacionais do movimento das mulheres curdas, para falar sobre a luta das mulheres e

12-a-16-de-janeiro-de-2016

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – “DADA” COM MARGARIDA GUIA – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – A PALETA E O MUNDO: «A PAZ A BRANCO E NEGRO» – CINEMA: ‘VIVA ZAPATA!’ DE ELIA KAZAN

Quinta-feira, 12 de Janeiro, 18h30 Andamos a ler, pela segunda vez, A Paleta e o Mundo de Mário Dionísio às segundas-feiras. Vamos no capítulo «A paz a branco e negro» onde se fala do movimento DADA que também entrou, e

12-a-16-de-janeiro-de-2016

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – “DADA” COM MARGARIDA GUIA – OFICINA: PORTUÑOL NO ES IDIOMA – A PALETA E O MUNDO: «A PAZ A BRANCO E NEGRO» – CINEMA: ‘VIVA ZAPATA!’ DE ELIA KAZAN

Quinta-feira, 12 de Janeiro, 18h30 Andamos a ler, pela segunda vez, A Paleta e o Mundo de Mário Dionísio às segundas-feiras. Vamos no capítulo «A paz a branco e negro» onde se fala do movimento DADA que também entrou, e