Category Archives: Filosofia

CARTA DE BRAGA – “Agora, Platão seria publicitário” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

    O Ti Zé Miguel, o homem esquivo e direito de quem já falei uma ou duas vezes, o meu amigo que não conhecia uma letra, nem do tamanho de um autocarro, disse-me um dia, já nem sei a

CARTA DE BRAGA – “Agora, Platão seria publicitário” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

    O Ti Zé Miguel, o homem esquivo e direito de quem já falei uma ou duas vezes, o meu amigo que não conhecia uma letra, nem do tamanho de um autocarro, disse-me um dia, já nem sei a

SINAIS DE FOGO – A LIÇÃO DE VIDA DE GOODALL – por Soares Novais

    Foi com a “Ode à Alegria” que médicos suiços colocaram ponto final à vida do cientista David Goodall. Foi Goodall que escolheu o poema de Friedrich Schiller, cantado no quarto movimento da 9.ª sinfonia de Beethoven, para se

SINAIS DE FOGO – A LIÇÃO DE VIDA DE GOODALL – por Soares Novais

    Foi com a “Ode à Alegria” que médicos suiços colocaram ponto final à vida do cientista David Goodall. Foi Goodall que escolheu o poema de Friedrich Schiller, cantado no quarto movimento da 9.ª sinfonia de Beethoven, para se

FRATERNIZAR – O MERCADO GLOBAL QUER MATAR AS MÃES! – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Ainda o Mercado não era global, e o dia 8 de dezembro de cada ano, o da demencial festa católica da “imaculada conceição de maria” que, absurdamente, dá direito a feriado nacional, era simultaneamente o “Dia da Mãe”. Não

FRATERNIZAR – O MERCADO GLOBAL QUER MATAR AS MÃES! – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Ainda o Mercado não era global, e o dia 8 de dezembro de cada ano, o da demencial festa católica da “imaculada conceição de maria” que, absurdamente, dá direito a feriado nacional, era simultaneamente o “Dia da Mãe”. Não

CARTA DE BRAGA – “Onde morrem os pássaros?” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

        Baudelaire dizia que o poeta pode ser qualquer coisa, menos não ser contemporâneo, porque ser contemporâneo é olhar o que se passa em volta e saber contá-lo! Creio que a contemporaneidade talvez resida nisto, na convivência

CARTA DE BRAGA – “Onde morrem os pássaros?” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

        Baudelaire dizia que o poeta pode ser qualquer coisa, menos não ser contemporâneo, porque ser contemporâneo é olhar o que se passa em volta e saber contá-lo! Creio que a contemporaneidade talvez resida nisto, na convivência

FRATERNIZAR – Tudo o que é politicamente decisivo para os povos passa-lhes ao lado – COM QUE SE OCUPAM OS BISPOS? – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Chega a meter dó, quando abrimos a agência Ecclesia e vemos os títulos das notícias que nos remetem para as principais actividades dos bispos, a começar pelo de Roma, o papa Francisco. De cada vez que o faço, por

FRATERNIZAR – Tudo o que é politicamente decisivo para os povos passa-lhes ao lado – COM QUE SE OCUPAM OS BISPOS? – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Chega a meter dó, quando abrimos a agência Ecclesia e vemos os títulos das notícias que nos remetem para as principais actividades dos bispos, a começar pelo de Roma, o papa Francisco. De cada vez que o faço, por

AINDA SOBRE OS TEXTOS SOBRE PLATÃO E ARISTÓTELES DEDICADOS À MINHA NETA, ALÍCIA MOTA, E AOS JOVENS DA SUA IDADE – por JÚLIO MARQUES MOTA

    Os textos publicados e dedicados à minha neta Alicia e aos jovens da sua idade podem servir  como contraponto ao clima que se vai viver em Coimbra na próxima semana, a semana da Queima das Fitas, uma semana

AINDA SOBRE OS TEXTOS SOBRE PLATÃO E ARISTÓTELES DEDICADOS À MINHA NETA, ALÍCIA MOTA, E AOS JOVENS DA SUA IDADE – por JÚLIO MARQUES MOTA

    Os textos publicados e dedicados à minha neta Alicia e aos jovens da sua idade podem servir  como contraponto ao clima que se vai viver em Coimbra na próxima semana, a semana da Queima das Fitas, uma semana

CARTA DE MARX NOS 150 ANOS DE DAS KAPITAL – O GUARDA-ROUPA DEMOCRÁTICO – por CÉSAR PRÍNCIPE

Publicado originalmente em A Viagem dos Argonautas:
? JSM,1 delineaste um compromisso histórico entre a liberdade individual, as demandas públicas e de género e o despotismo-martelo caldeu. A validação do desenho de bom governo ficou dependente das expectativas e práticas…

CARTA DE MARX NOS 150 ANOS DE DAS KAPITAL – O GUARDA-ROUPA DEMOCRÁTICO – por CÉSAR PRÍNCIPE

Publicado originalmente em A Viagem dos Argonautas:
? JSM,1 delineaste um compromisso histórico entre a liberdade individual, as demandas públicas e de género e o despotismo-martelo caldeu. A validação do desenho de bom governo ficou dependente das expectativas e práticas…

O CONSELHO INTEMPORAL DE ARISTÓTELES SOBRE O QUE É A VERDADEIRA AMIZADE E PORQUE É QUE ELA É IMPORTANTE, de ZAT RANA

View story at Medium.com Selecção e tradução de Júlio Marques Mota   O conselho intemporal de Aristóteles sobre o que é a verdadeira amizade e porque é que ela é importante Zat Rana, Aristotle’s Timeless Advice on What Real Friendship

O CONSELHO INTEMPORAL DE ARISTÓTELES SOBRE O QUE É A VERDADEIRA AMIZADE E PORQUE É QUE ELA É IMPORTANTE, de ZAT RANA

View story at Medium.com Selecção e tradução de Júlio Marques Mota   O conselho intemporal de Aristóteles sobre o que é a verdadeira amizade e porque é que ela é importante Zat Rana, Aristotle’s Timeless Advice on What Real Friendship

A EDUCAÇÃO E A ALEGORIA DA CAVERNA DE PLATÃO, por ANAM LODHI

 Selecção e tradução de Júlio Marques Mota A educação e a alegoria da caverna de Platão   Anam Lodhi, Education and Plato’s Allegory of the Cave Medium.com, 21 de Junho de 2017 https://medium.com/indian-thoughts/education-and-platos-allegory-of-the-cave-bf7471260c50   A alegoria da caverna é uma das

A EDUCAÇÃO E A ALEGORIA DA CAVERNA DE PLATÃO, por ANAM LODHI

 Selecção e tradução de Júlio Marques Mota A educação e a alegoria da caverna de Platão   Anam Lodhi, Education and Plato’s Allegory of the Cave Medium.com, 21 de Junho de 2017 https://medium.com/indian-thoughts/education-and-platos-allegory-of-the-cave-bf7471260c50   A alegoria da caverna é uma das

DOIS TEXTOS DE OUTROS TEMPOS, TEXTOS DEDICADOS À MINHA NETA ALÍCIA, EM PARTICULAR, A TODOS OS JOVENS DA SUA IDADE, EM GERAL – por JÚLIO MARQUES MOTA

Dois textos de outros tempos, textos aqui dedicados à minha neta Alícia, em particular, a todos os jovens, em geral. Para a minha neta em particular porque é o primeiro ano da sua vida em que aborda as questões de

DOIS TEXTOS DE OUTROS TEMPOS, TEXTOS DEDICADOS À MINHA NETA ALÍCIA, EM PARTICULAR, A TODOS OS JOVENS DA SUA IDADE, EM GERAL – por JÚLIO MARQUES MOTA

Dois textos de outros tempos, textos aqui dedicados à minha neta Alícia, em particular, a todos os jovens, em geral. Para a minha neta em particular porque é o primeiro ano da sua vida em que aborda as questões de

CARTA DE BRAGA – “Utopia disponível com mariposa” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

    Peter Lindert, catedrático da Universidade californiana de Davis e ex-presidente da Associação Americana de História Económica é um economista a funcionar em contra ciclo, pois teve o descaramento de afirmar recentemente, que “o estado do bem-estar funciona”! Acrescenta

CARTA DE BRAGA – “Utopia disponível com mariposa” – por ANTÓNIO OLIVEIRA

    Peter Lindert, catedrático da Universidade californiana de Davis e ex-presidente da Associação Americana de História Económica é um economista a funcionar em contra ciclo, pois teve o descaramento de afirmar recentemente, que “o estado do bem-estar funciona”! Acrescenta

FRATERNIZAR – O que (não) são Maio 68 e Abril 74? – URGE DESCRUCIFICAR E PROSSEGUIR A REVOLUÇÃO OUTRA DE JESUS – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Nem maio 68, nem abril 74 são verdadeiras revoluções. Aos Sistemas de Poder e seus agentes de turno convém chamar-lhes assim, para manterem submissos, sem grandes custos, os seres humanos e os povos. Não há revoluções, por mais que

FRATERNIZAR – O que (não) são Maio 68 e Abril 74? – URGE DESCRUCIFICAR E PROSSEGUIR A REVOLUÇÃO OUTRA DE JESUS – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  Nem maio 68, nem abril 74 são verdadeiras revoluções. Aos Sistemas de Poder e seus agentes de turno convém chamar-lhes assim, para manterem submissos, sem grandes custos, os seres humanos e os povos. Não há revoluções, por mais que

FRATERNIZAR – D. Manuel Linda, Bispo do Porto – PELA ARAGEM VÊ-SE QUEM VAI NA CARRUAGEM – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  O provérbio popular não engana. Como não engana estoutra afirmação, nele inspirada, Pela solene entrada na diocese, vê-se quem é o novo bispo do Porto. D. Manuel Linda é simplesmente mais do mesmo. Sem tirar nem pôr. Ei-lo, preocupado

FRATERNIZAR – D. Manuel Linda, Bispo do Porto – PELA ARAGEM VÊ-SE QUEM VAI NA CARRUAGEM – por MÁRIO DE OLIVEIRA

  O provérbio popular não engana. Como não engana estoutra afirmação, nele inspirada, Pela solene entrada na diocese, vê-se quem é o novo bispo do Porto. D. Manuel Linda é simplesmente mais do mesmo. Sem tirar nem pôr. Ei-lo, preocupado

CARTA DE BRAGA – De Redes, de Livros, de Botões e com Scott Fitzgerald – por ANTÓNIO OLIVEIRA

      Não estou a pensar em sair deste país, tanto mais que a roda da Fortuna teima em não querer responder aos meus investimentos nos balcões da Santa Casa. De qualquer maneira, tal intenção ainda mais se reforçou

CARTA DE BRAGA – De Redes, de Livros, de Botões e com Scott Fitzgerald – por ANTÓNIO OLIVEIRA

      Não estou a pensar em sair deste país, tanto mais que a roda da Fortuna teima em não querer responder aos meus investimentos nos balcões da Santa Casa. De qualquer maneira, tal intenção ainda mais se reforçou