Category Archives: Filosofia

A GALIZA COMO TAREFA – civilização – Ernesto V. Souza

O dia nasceu escuro. Por importunar Santa Luzia e o saber popular, parece noite pecha às sete e trinta. Chove ligeiro, mas venta pesadamente e em surpresa. Redemoinhos que lutam a cada volta de rua emboscados, no desespero do campo

A GALIZA COMO TAREFA – civilização – Ernesto V. Souza

O dia nasceu escuro. Por importunar Santa Luzia e o saber popular, parece noite pecha às sete e trinta. Chove ligeiro, mas venta pesadamente e em surpresa. Redemoinhos que lutam a cada volta de rua emboscados, no desespero do campo

LANÇAMENTO de “CURVAS IDEAIS – RELAÇÕES DESCONHECIDAS – e outras histórias da MATEMÁTICA”, de JORGE BUESCU – HOJE, QUARTA-FEIRA, 5 de DEZEMBRO, pelas 18 horas, no ANFITEATRO DO CALEIDOSCÓPIO (FACULDADE DE CIÊNCIAS), no JARDIM DO CAMPO GRANDE, LISBOA.

Lançamento A Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, o Autor e a Gradiva gostariam de contar com a sua presença na sessão de lançamento do novo livro do matemático Jorge Buescu CURVAS IDEAIS, RELAÇÕES DESCONHECIDAS E OUTRAS HISTÓRIAS DE

LANÇAMENTO de “CURVAS IDEAIS – RELAÇÕES DESCONHECIDAS – e outras histórias da MATEMÁTICA”, de JORGE BUESCU – HOJE, QUARTA-FEIRA, 5 de DEZEMBRO, pelas 18 horas, no ANFITEATRO DO CALEIDOSCÓPIO (FACULDADE DE CIÊNCIAS), no JARDIM DO CAMPO GRANDE, LISBOA.

Lançamento A Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, o Autor e a Gradiva gostariam de contar com a sua presença na sessão de lançamento do novo livro do matemático Jorge Buescu CURVAS IDEAIS, RELAÇÕES DESCONHECIDAS E OUTRAS HISTÓRIAS DE

CARLOS REIS – A INCAPACIDADE DE COMPREENDER

                                                                  Público, 2 de Novembro 2018 ________ Nota

CARLOS REIS – A INCAPACIDADE DE COMPREENDER

                                                                  Público, 2 de Novembro 2018 ________ Nota

FRATERNIZAR – Todos os anos no início de Novembro -MORRER: O FIM OU A PLENITUDE DA VIDA? – por MÁRIO DE OLIVEIRA + nota do director do JORNAL FRATERNIZAR sobre a carta aberta do padre HÉRMINO FERREIRA ao bispo de BRAGANÇA/MIRANDA

  Todos os anos, no início de Novembro, os cemitérios enchem-se de gente de preto vestida, ar compungido, e de flores, muitas e caras flores, numa espécie de orgia sexual a céu aberto. Que a morte e o sexo são

FRATERNIZAR – Todos os anos no início de Novembro -MORRER: O FIM OU A PLENITUDE DA VIDA? – por MÁRIO DE OLIVEIRA + nota do director do JORNAL FRATERNIZAR sobre a carta aberta do padre HÉRMINO FERREIRA ao bispo de BRAGANÇA/MIRANDA

  Todos os anos, no início de Novembro, os cemitérios enchem-se de gente de preto vestida, ar compungido, e de flores, muitas e caras flores, numa espécie de orgia sexual a céu aberto. Que a morte e o sexo são