APRESENTAÇÃO DA ARGONAUTA ETHEL FELDMAN

Ethel Feldman, nasceu em Outubro de 1954 em São Paulo, no Brasil, onde Ethel Feldmanseu pai se exilara, para não ser preso pela polícia política da ditadura salazarista. É filha do escritor português Fernando Correia da Silva e da pianista brasileira (de origem judaica) Rosa Feldman da Silva. O seu nome constitui uma homenagem à judia norte-american Ethel Rosenberg que, com seu marido Julius, foi executada em 19 de Junho de 1953, condenados por espionagem a favor da União Soviética.

Mas deixemo-la apresentar-se com palavras suas:

Com os pais aprendeu a viver.

Durante anos trocou as escalas e deu conta de que não herdara o talento da sua mãe. Com ela aprendeu que o dó se toca de infinitas formas – tantas quantas a vida ensina. Com o pai ficou a saber que há quem junte letras e conte uma história. E as do pai eram sempre adoráveis.

Achou que o melhor era ser pintora. Mas a vida deu-lhes as voltas e nunca foi nem uma coisa nem outra. Ficaram um desenhos no armário. Ficou a vontade de ser.

Hoje escreve porque não sabe fazer bem outra coisa.  Tem um blogue,

 http://paladardaloucura.blogspot.pt/

ganhou um prémio de contos, publicou o livro “Paladar da Loucura” e mais não conta porque o resto adivinha-se.

Ah… continua a escrever.

One comment

  1. Pingback: Poesia ao amanhecer / 75 | A Viagem dos Argonautas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s