Category Archives: Temas Sociais

MOMENTO CRÍTICO, por PEDRINHO GUARESCHI – texto enviado por CAMILO JOSEPH

  Momento Crítico Pedrinho Guareschi * Sou forçado a dizer uma palavra. Como de costume, peço que não aceitem. Tento justificar o que digo. Temos de pensar seriamente, pois o momento é crítico. Desculpem o tamanho, mas quero argumentar com cuidado.

MOMENTO CRÍTICO, por PEDRINHO GUARESCHI – texto enviado por CAMILO JOSEPH

  Momento Crítico Pedrinho Guareschi * Sou forçado a dizer uma palavra. Como de costume, peço que não aceitem. Tento justificar o que digo. Temos de pensar seriamente, pois o momento é crítico. Desculpem o tamanho, mas quero argumentar com cuidado.

QUAL É O MAL? por Luísa Lobão Moniz

As matrículas, as vagas, as moradas falsas, a discriminação….tudo o que todas as pessoas com filhos em idade escolar, ou professores, ou pessoal administrativo, ou ainda auxiliares de acção educativa, encarregados de educação já sabem há muito tempo. Admitir esta

QUAL É O MAL? por Luísa Lobão Moniz

As matrículas, as vagas, as moradas falsas, a discriminação….tudo o que todas as pessoas com filhos em idade escolar, ou professores, ou pessoal administrativo, ou ainda auxiliares de acção educativa, encarregados de educação já sabem há muito tempo. Admitir esta

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – OFICINA DE EXPRESSÃO CRIATIVA: FORA DO QUADRO – LEITURA: A PALETA E O MUNDO – CINEMA AO AR LIVRE: ‘SARABAND’ DE INGMAR BERGMAN

Oficina: FORA DO QUADRO com Marie Carré domingo, 13 de Agosto, 15h30 às 17h30 Um atelier de expressão criativa: corpo, voz, espaço interior/exterior. Esta oficina com duração de 2 horas convida cada participante a criar e representar pequenos videoclips a

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – OFICINA DE EXPRESSÃO CRIATIVA: FORA DO QUADRO – LEITURA: A PALETA E O MUNDO – CINEMA AO AR LIVRE: ‘SARABAND’ DE INGMAR BERGMAN

Oficina: FORA DO QUADRO com Marie Carré domingo, 13 de Agosto, 15h30 às 17h30 Um atelier de expressão criativa: corpo, voz, espaço interior/exterior. Esta oficina com duração de 2 horas convida cada participante a criar e representar pequenos videoclips a

VISIBILIDADE DA COMUNIDADE CIGANA por Luísa Lobão Moniz

No jornal Público de quinta feira pode-se ler um artigo intitulado “Governo vai rever estratégia para a integração das comunidades ciganas”. O Governo vai contratar 50 mediadores ciganos. Fiquei um pouco surpreendida com esta decisão do governo, pois revela alguma

VISIBILIDADE DA COMUNIDADE CIGANA por Luísa Lobão Moniz

No jornal Público de quinta feira pode-se ler um artigo intitulado “Governo vai rever estratégia para a integração das comunidades ciganas”. O Governo vai contratar 50 mediadores ciganos. Fiquei um pouco surpreendida com esta decisão do governo, pois revela alguma

CARTA DO RIO – 163 por Rachel Gutiérrez

                           A obra de Riane Eisler de 2007, “The Real Wealth of Nations: Creating a Caring Economics”, propõe uma nova interpretação sobre a economia que dá visibilidade e valor ao mais essencial para o trabalho humano: o

CARTA DO RIO – 163 por Rachel Gutiérrez

                           A obra de Riane Eisler de 2007, “The Real Wealth of Nations: Creating a Caring Economics”, propõe uma nova interpretação sobre a economia que dá visibilidade e valor ao mais essencial para o trabalho humano: o

SER SOLIDÁRIO por Luísa Lobão Moniz

O vermelho vem numa tentativa de tudo destruir. Quando acabou de passar está tudo negro, como se estivesse de luto.  O vento enraivecido ajudava o vermelho a espalhar-se cada vez mais, destruindo cada vez mais. As labaredas de fogo rodopiavam,

SER SOLIDÁRIO por Luísa Lobão Moniz

O vermelho vem numa tentativa de tudo destruir. Quando acabou de passar está tudo negro, como se estivesse de luto.  O vento enraivecido ajudava o vermelho a espalhar-se cada vez mais, destruindo cada vez mais. As labaredas de fogo rodopiavam,

MINORIA CIGANA por Luísa Lobão Moniz

Qual foi o português que gostou de ouvir os alemães  dizerem que somos todos preguiçosos e que queremos viver à custa dos países europeus mais ricos? Qual foi o português que não reagiu com indignação quando um deputado europeu se

MINORIA CIGANA por Luísa Lobão Moniz

Qual foi o português que gostou de ouvir os alemães  dizerem que somos todos preguiçosos e que queremos viver à custa dos países europeus mais ricos? Qual foi o português que não reagiu com indignação quando um deputado europeu se

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – OS ARTIGOS IMPUBLICÁVEIS – PIRÓMANO SIM, MAS HONRADO

Os portugueses são tão engraçados. São giros, para dizer a verdade. E originais. De entre as suas várias e tão populares facetas, pitorescos tiques e cândidas opções e funcionalidades, lembrei-me de uma giríssima e fantasiosa, que é a piromania. Sim,

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – OS ARTIGOS IMPUBLICÁVEIS – PIRÓMANO SIM, MAS HONRADO

Os portugueses são tão engraçados. São giros, para dizer a verdade. E originais. De entre as suas várias e tão populares facetas, pitorescos tiques e cândidas opções e funcionalidades, lembrei-me de uma giríssima e fantasiosa, que é a piromania. Sim,

ASSOCIAÇÃO DE COMBATE À PRECARIEDADE – PRECÁRIOS INFLEXÍVEIS – PROVEDOR DE JUSTIÇA EMITE PARECER CONTRA USO ABUSIVO DE BOLSAS

25 de Julho de 2017 Em resposta a uma denúncia da ABIC (Associação dos Bolseiros de Investigação Científica), datada de janeiro de 2016, a propósito do uso abusivo de bolsas, o Provedor de Justiça veio dar razão à queixa apresentada,

ASSOCIAÇÃO DE COMBATE À PRECARIEDADE – PRECÁRIOS INFLEXÍVEIS – PROVEDOR DE JUSTIÇA EMITE PARECER CONTRA USO ABUSIVO DE BOLSAS

25 de Julho de 2017 Em resposta a uma denúncia da ABIC (Associação dos Bolseiros de Investigação Científica), datada de janeiro de 2016, a propósito do uso abusivo de bolsas, o Provedor de Justiça veio dar razão à queixa apresentada,

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – MEMÓRIAS DE UM REFORMADO – QUERIDO DIÁRIO

    Há Bancos que vêm por bem. E caixas gerais de depósitos gerais, também. Nem tudo é mau, na decorrente vida da Banca portuguesa. E há vida para além da morte ou seja, como quem quer dizer, para além

CONTOS & CRÓNICAS – CARLOS REIS – MEMÓRIAS DE UM REFORMADO – QUERIDO DIÁRIO

    Há Bancos que vêm por bem. E caixas gerais de depósitos gerais, também. Nem tudo é mau, na decorrente vida da Banca portuguesa. E há vida para além da morte ou seja, como quem quer dizer, para além

BRASIL – CARTA CAPITAL – Entrevista a JESSÉ SOUZA: “A CLASSE MÉDIA É FEITA DE IMBECIL PELA ELITE” – por SERGIO LIRIO

OBRIGADO A JESSÉ SOUZA, SERGIO LIRIO, CARTA CAPITAL E CAMILO JOSEPH ENTREVISTA –  JESSÉ SOUZA: “A CLASSE MÉDIA É FEITA DE IMBECIL PELA ELITE” Sergio Lirio Sergio Lirio, Entrevista a Jessé Souza: “A classe média é feita de imbecil pela elite”

BRASIL – CARTA CAPITAL – Entrevista a JESSÉ SOUZA: “A CLASSE MÉDIA É FEITA DE IMBECIL PELA ELITE” – por SERGIO LIRIO

OBRIGADO A JESSÉ SOUZA, SERGIO LIRIO, CARTA CAPITAL E CAMILO JOSEPH ENTREVISTA –  JESSÉ SOUZA: “A CLASSE MÉDIA É FEITA DE IMBECIL PELA ELITE” Sergio Lirio Sergio Lirio, Entrevista a Jessé Souza: “A classe média é feita de imbecil pela elite”

HINO INTERNACIONAL CIGANO por Luísa Lobão Moniz

Para os senhores Venturas que de ciganos apenas sabem, apenas conhecem, o que se passa com estes portugueses em Portugal no século XXI.  O que sabem das suas origens e do seu passado, o que sabem das suas vidas sofridas

HINO INTERNACIONAL CIGANO por Luísa Lobão Moniz

Para os senhores Venturas que de ciganos apenas sabem, apenas conhecem, o que se passa com estes portugueses em Portugal no século XXI.  O que sabem das suas origens e do seu passado, o que sabem das suas vidas sofridas

É UMA VERGONHA por Luísa Lobão Moniz

Como se pode fazer uma campanha eleitoral utilizando argumentos racistas contra um grupo de portugueses de etnia cigana? Que sabe o candidato do que é ser cigano? Que valores e costumes têm? É tão fácil espalhar uma suposta mentira de

É UMA VERGONHA por Luísa Lobão Moniz

Como se pode fazer uma campanha eleitoral utilizando argumentos racistas contra um grupo de portugueses de etnia cigana? Que sabe o candidato do que é ser cigano? Que valores e costumes têm? É tão fácil espalhar uma suposta mentira de

A COLUNA DE OCTOPUS – A TECNOLOGIA APROXIMA QUEM ESTÁ LONGE E AFASTA QUEM ESTÁ PERTO

    Até que ponto a união de milhares de quilómetros possibilitada pela internet, não afasta quem está a poucos metros de nós? A verdade é que actualmente vivemos para a internet 24h do nosso dia. Ela tornou-se um vício,

A COLUNA DE OCTOPUS – A TECNOLOGIA APROXIMA QUEM ESTÁ LONGE E AFASTA QUEM ESTÁ PERTO

    Até que ponto a união de milhares de quilómetros possibilitada pela internet, não afasta quem está a poucos metros de nós? A verdade é que actualmente vivemos para a internet 24h do nosso dia. Ela tornou-se um vício,