Category Archives: Medicina/Saúde

TOMAR ASPIRINA TODOS OS DIAS PODE SER INÚTIL OU UM RISCO EM ALGUNS CASOS

ANDO A DIZER ISTO HÁ ANOS TOMAR ASPIRINA TODOS OS DIAS PODE SER INÚTIL OU UM RISCO EM ALGUNS CASOS Por Adão Cruz (Médico cardiologista) A conclusão é de um estudo feito nos Estados Unidos e na Austrália que nota

TOMAR ASPIRINA TODOS OS DIAS PODE SER INÚTIL OU UM RISCO EM ALGUNS CASOS

ANDO A DIZER ISTO HÁ ANOS TOMAR ASPIRINA TODOS OS DIAS PODE SER INÚTIL OU UM RISCO EM ALGUNS CASOS Por Adão Cruz (Médico cardiologista) A conclusão é de um estudo feito nos Estados Unidos e na Austrália que nota

INFORMAÇÃO 5/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – RESPOSTA AOS ATAQUES DOS GRANDES GRUPOS PRIVADOS DA SAÚDE, COLIGADOS NA APHP, À ADSE E UM ESCLARECIMENTO AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – por EUGÉNIO ROSA

    INFORMAÇÃO 5/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE (peço ajuda para que esta informação chegue aos trabalhadores e aposentados da Função Pública) RESPOSTA AOS ATAQUES DOS GRANDES GRUPOS PRIVADOS DA SAÚDE, COLIGADOS NA APHP, À ADSE E UM ESCLARECIMENTO AOS

INFORMAÇÃO 5/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – RESPOSTA AOS ATAQUES DOS GRANDES GRUPOS PRIVADOS DA SAÚDE, COLIGADOS NA APHP, À ADSE E UM ESCLARECIMENTO AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – por EUGÉNIO ROSA

    INFORMAÇÃO 5/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE (peço ajuda para que esta informação chegue aos trabalhadores e aposentados da Função Pública) RESPOSTA AOS ATAQUES DOS GRANDES GRUPOS PRIVADOS DA SAÚDE, COLIGADOS NA APHP, À ADSE E UM ESCLARECIMENTO AOS

REFLEXÕES SOBRE PORTUGAL A PARTIR DO CASO DA MINHA NETA – por JÚLIO MARQUES MOTA

  Coimbra, 13 de Junho de 2018   Fico com a impressão que vivo num país que não funciona, em que se anda a fingir que tudo funciona bem, e no melhor dos mundos, como nos ensina Voltaire, arrastando-se nesta

REFLEXÕES SOBRE PORTUGAL A PARTIR DO CASO DA MINHA NETA – por JÚLIO MARQUES MOTA

  Coimbra, 13 de Junho de 2018   Fico com a impressão que vivo num país que não funciona, em que se anda a fingir que tudo funciona bem, e no melhor dos mundos, como nos ensina Voltaire, arrastando-se nesta

MAIS UMA POLÉMICA, por LUÍSA LOBÃO MONIZ

  Mais uma polémica. “Opte por Amar Mais.” Pretende travar a tendência que se tem verificado de que a percentagem de mulheres fumadoras tem aumentado relativamente aos homens fumadores. “Uma princesa não fuma.” Diz uma mãe com cancro à sua

MAIS UMA POLÉMICA, por LUÍSA LOBÃO MONIZ

  Mais uma polémica. “Opte por Amar Mais.” Pretende travar a tendência que se tem verificado de que a percentagem de mulheres fumadoras tem aumentado relativamente aos homens fumadores. “Uma princesa não fuma.” Diz uma mãe com cancro à sua

SINAIS DE FOGO – A LIÇÃO DE VIDA DE GOODALL – por Soares Novais

    Foi com a “Ode à Alegria” que médicos suiços colocaram ponto final à vida do cientista David Goodall. Foi Goodall que escolheu o poema de Friedrich Schiller, cantado no quarto movimento da 9.ª sinfonia de Beethoven, para se

SINAIS DE FOGO – A LIÇÃO DE VIDA DE GOODALL – por Soares Novais

    Foi com a “Ode à Alegria” que médicos suiços colocaram ponto final à vida do cientista David Goodall. Foi Goodall que escolheu o poema de Friedrich Schiller, cantado no quarto movimento da 9.ª sinfonia de Beethoven, para se

Ainda as longas filas de espera no Hospital Pediátrico de Coimbra: a política de austeridade, a incapacidade das Administrações Hospitalares, o desrespeito dos cidadãos, a fragmentação social, a descrença na democracia? Por Júlio Marques Mota

A propósito de uma exposição enviada ao Primeiro-ministro, ao ministro da Saúde, ao Hospital Pediátrico de Coimbra, e de um texto de reflexão sobre o 25 de Abril de outrora e o 25 de Abril de agora, a propósito da

Ainda as longas filas de espera no Hospital Pediátrico de Coimbra: a política de austeridade, a incapacidade das Administrações Hospitalares, o desrespeito dos cidadãos, a fragmentação social, a descrença na democracia? Por Júlio Marques Mota

A propósito de uma exposição enviada ao Primeiro-ministro, ao ministro da Saúde, ao Hospital Pediátrico de Coimbra, e de um texto de reflexão sobre o 25 de Abril de outrora e o 25 de Abril de agora, a propósito da

O RISCO DE DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO NA ADSE E O VOGAL PARA O CONSELHO DIRETIVO ELEITO PELOS BENEFICIÁRIOS QUE NÃO É DO AGRADO DOS GRANDES GRUPOS ECONÓMICOS PRIVADOS DE SAÚDE – INFORMAÇÃO 3/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – por EUGÉNIO ROSA

O RISCO DE DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO NA ADSE E O VOGAL PARA O CONSELHO DIRETIVO ELEITO PELOS BENEFICIÁRIOS QUE NÃO É DO AGRADO DOS GRANDES GRUPOS ECONÓMICOS PRIVADOS DE SAÚDE INFORMAÇÃO 3/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE   A SITUAÇÃO DA ADSE

O RISCO DE DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO NA ADSE E O VOGAL PARA O CONSELHO DIRETIVO ELEITO PELOS BENEFICIÁRIOS QUE NÃO É DO AGRADO DOS GRANDES GRUPOS ECONÓMICOS PRIVADOS DE SAÚDE – INFORMAÇÃO 3/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE – por EUGÉNIO ROSA

O RISCO DE DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO NA ADSE E O VOGAL PARA O CONSELHO DIRETIVO ELEITO PELOS BENEFICIÁRIOS QUE NÃO É DO AGRADO DOS GRANDES GRUPOS ECONÓMICOS PRIVADOS DE SAÚDE INFORMAÇÃO 3/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE   A SITUAÇÃO DA ADSE

SINAIS DE FOGO – O ÚLTIMO SUSPIRO DO SNS – por Soares Novais

Médicos e outros profissionais da Saúde vestiram-se de preto, na última sexta-feira. Fizeram-no, garantem, por uma razão central: o Serviço Nacional de Saúde (SNS) está em “coma”, quase a dar o último suspiro. Por falta de médicos e enfermeiros e

SINAIS DE FOGO – O ÚLTIMO SUSPIRO DO SNS – por Soares Novais

Médicos e outros profissionais da Saúde vestiram-se de preto, na última sexta-feira. Fizeram-no, garantem, por uma razão central: o Serviço Nacional de Saúde (SNS) está em “coma”, quase a dar o último suspiro. Por falta de médicos e enfermeiros e

A SUSTENTABILIDADE DA ADSE SÓ PODERÁ SER CONSEGUIDA COM AJUDA (também) DOS BENEFICIÁRIOS – INFORMAÇÃO 2/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE –

  A SUSTENTABILIDADE DA ADSE SÓ PODERÁ SER CONSEGUIDA COM AJUDA (também) DOS BENEFICIÁRIOS INFORMAÇÃO 2/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE Um problema grave que enfrenta atualmente a ADSE e que põe em causa a sua sustentabilidade futura, se não forem

A SUSTENTABILIDADE DA ADSE SÓ PODERÁ SER CONSEGUIDA COM AJUDA (também) DOS BENEFICIÁRIOS – INFORMAÇÃO 2/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE –

  A SUSTENTABILIDADE DA ADSE SÓ PODERÁ SER CONSEGUIDA COM AJUDA (também) DOS BENEFICIÁRIOS INFORMAÇÃO 2/2018 AOS BENEFICIÁRIOS DA ADSE Um problema grave que enfrenta atualmente a ADSE e que põe em causa a sua sustentabilidade futura, se não forem