“no silêncio da noite…” por Lídia Rocha – First of May

“First of May” é uma canção da banda “Bee Gees” com a interpretação vocal de Barry Gibb. Esta composição é uma das faixas do álbum “Odessa” gravado em 1969. https://youtu.be/InK1xHpOuHM

“no silêncio da noite…” por Lídia Rocha – First of May

“First of May” é uma canção da banda “Bee Gees” com a interpretação vocal de Barry Gibb. Esta composição é uma das faixas do álbum “Odessa” gravado em 1969. https://youtu.be/InK1xHpOuHM

UMA CARTA DO PORTO – Por José Fernando Magalhães (322)

      A REVOLUÇÃO LIBERAL DO PORTO     Baseado numa política anti-absolutista e com fortes influências liberais, este movimento político nasceu no Porto em 1820. O movimento provocou o regresso, no ano seguinte, da Corte Portuguesa, que, em

UMA CARTA DO PORTO – Por José Fernando Magalhães (322)

      A REVOLUÇÃO LIBERAL DO PORTO     Baseado numa política anti-absolutista e com fortes influências liberais, este movimento político nasceu no Porto em 1820. O movimento provocou o regresso, no ano seguinte, da Corte Portuguesa, que, em

A GALIZA COMO TAREFA – extravios – Ernesto V. Souza

Tenho estes dias, em que ando arrumando livros pela casa, em prateleiras novas e mais funcionais, três exemplares velhos, em quarentena preventiva, dentro de umas bolsas herméticas de plástico acompanhando uma substância anti traça-dos-livros. Esses livros já chegaram às minhas

A GALIZA COMO TAREFA – extravios – Ernesto V. Souza

Tenho estes dias, em que ando arrumando livros pela casa, em prateleiras novas e mais funcionais, três exemplares velhos, em quarentena preventiva, dentro de umas bolsas herméticas de plástico acompanhando uma substância anti traça-dos-livros. Esses livros já chegaram às minhas

Os Coletes Amarelos, um sintoma da próxima crise na Europa. Uma série de textos. 5º Texto – O regresso dos corpos dos pobres

(Cyril Barde,  janeiro de 2019)

A irrupção dos corpos dominados passa primeiro pelo emblema que os manifestantes tinham escolhido para si mesmos: o colete amarelo é um sinal. O colete amarelo é um sinal. Um sinal de um corpo vulnerável que se trata de fazer aparecer, para ser realçado. Um sinal de um corpo em perigo que deve ser tornado visível, sinalizando à  atenção e à vigilância dos outros. Os coletes amarelos são o sinal do retorno do corpo dos pobres na política.

Os Coletes Amarelos, um sintoma da próxima crise na Europa. Uma série de textos. 5º Texto – O regresso dos corpos dos pobres

(Cyril Barde,  janeiro de 2019)

A irrupção dos corpos dominados passa primeiro pelo emblema que os manifestantes tinham escolhido para si mesmos: o colete amarelo é um sinal. O colete amarelo é um sinal. Um sinal de um corpo vulnerável que se trata de fazer aparecer, para ser realçado. Um sinal de um corpo em perigo que deve ser tornado visível, sinalizando à  atenção e à vigilância dos outros. Os coletes amarelos são o sinal do retorno do corpo dos pobres na política.

A propósito do conceito e iniciativas da Transição Justa – 1. Breve historial da Transição Justa. Por Investigação Colaborativa Just Transition

Seleção e tradução de Francisco Tavares 1. Breve historial da Transição Justa Em relatório de pesquisa colaborativa sobre Transição Justa, “Cartografia de Transição Justa para um mundo de baixa emissão de carbono”,  dezembro de 2018, (ver aqui),   [1]   Ao

A propósito do conceito e iniciativas da Transição Justa – 1. Breve historial da Transição Justa. Por Investigação Colaborativa Just Transition

Seleção e tradução de Francisco Tavares 1. Breve historial da Transição Justa Em relatório de pesquisa colaborativa sobre Transição Justa, “Cartografia de Transição Justa para um mundo de baixa emissão de carbono”,  dezembro de 2018, (ver aqui),   [1]   Ao

Música ao Romper da Aurora – Bring Me to Life

“Bring Me to Life” é uma canção da banda de rock “Evanescence”, formada pela vocalista e pianista Amy Lee e o guitarrista Ben Moody em 1995. A soprano galesa Katherine Jenkins incluiu a sua versão de “Bring Me to Life”

Música ao Romper da Aurora – Bring Me to Life

“Bring Me to Life” é uma canção da banda de rock “Evanescence”, formada pela vocalista e pianista Amy Lee e o guitarrista Ben Moody em 1995. A soprano galesa Katherine Jenkins incluiu a sua versão de “Bring Me to Life”

UMA CASA A SUL DAS NUVENS de António M. Oliveira, apresentado dia 28 de Fevereiro, às 18H30, no ISLA.

  O livro  “Uma casa a sul das nuvens”, do nosso colaborador António Oliveira (Carta de Braga), vai ser apresentado no dia 28 de fevereiro às 18H30, no ISLA. É uma edição da Editorial Novembro e será abordado por Júlio

UMA CASA A SUL DAS NUVENS de António M. Oliveira, apresentado dia 28 de Fevereiro, às 18H30, no ISLA.

  O livro  “Uma casa a sul das nuvens”, do nosso colaborador António Oliveira (Carta de Braga), vai ser apresentado no dia 28 de fevereiro às 18H30, no ISLA. É uma edição da Editorial Novembro e será abordado por Júlio

“no silêncio da noite…” por Lídia Rocha – Melody of Love

“Melody of Love” é uma peça musical de Ludwig van Beethoven, grande compositor alemão, do período de transição entre o “Classicismo” (século XVIII) e o “Romantismo” (século XIX).

“no silêncio da noite…” por Lídia Rocha – Melody of Love

“Melody of Love” é uma peça musical de Ludwig van Beethoven, grande compositor alemão, do período de transição entre o “Classicismo” (século XVIII) e o “Romantismo” (século XIX).

TEATRO-ESTÚDIO ILDEFONSO VALÉRIO apresenta "SE ISTO É UM HOMEM", de PRIMO LEVI, com encenação de ROGÉRIO DE CARVALHO e interpretação de CLÁUDIO DA SILVA – SEXTA-FEIRA e SÁBADO, 21 e 22 de FEVEREIRO, às 21.30

  SE ISTO É UM HOMEM de Primo Levi 21 e 22 de Fevereiro, sex e sáb às 21:30 (ESGOTADO sex 21 – reservas mediante lista de espera) INFORMAÇÕES E RESERVAS: 926 941 164 / 910 923 397 publico.teiv@gmail.com CRIAÇÃO

TEATRO-ESTÚDIO ILDEFONSO VALÉRIO apresenta "SE ISTO É UM HOMEM", de PRIMO LEVI, com encenação de ROGÉRIO DE CARVALHO e interpretação de CLÁUDIO DA SILVA – SEXTA-FEIRA e SÁBADO, 21 e 22 de FEVEREIRO, às 21.30

  SE ISTO É UM HOMEM de Primo Levi 21 e 22 de Fevereiro, sex e sáb às 21:30 (ESGOTADO sex 21 – reservas mediante lista de espera) INFORMAÇÕES E RESERVAS: 926 941 164 / 910 923 397 publico.teiv@gmail.com CRIAÇÃO

CARTA DE BRAGA – “das crianças, da propaganda e da democracia” por António Oliveira

‘Esquecemos às vezes, que a vida é o que vivemos agora’ Já não sei onde li isto e se seriam estas as palavras exactas mas, a simplicidade e a justeza da frase, deixam entender um espírito atento às mudanças que

CARTA DE BRAGA – “das crianças, da propaganda e da democracia” por António Oliveira

‘Esquecemos às vezes, que a vida é o que vivemos agora’ Já não sei onde li isto e se seriam estas as palavras exactas mas, a simplicidade e a justeza da frase, deixam entender um espírito atento às mudanças que

A propósito do conceito e iniciativas da Transição Justa – Introdução, por Francisco Tavares

Introdução  Por Francisco Tavares em 16/02/2020 Iremos publicar uma pequena série de textos sobre um conceito, e iniciativas a ele associadas, de que parece que pouco se houve falar em Portugal e que, no entanto, reúne abundante literatura por esse

A propósito do conceito e iniciativas da Transição Justa – Introdução, por Francisco Tavares

Introdução  Por Francisco Tavares em 16/02/2020 Iremos publicar uma pequena série de textos sobre um conceito, e iniciativas a ele associadas, de que parece que pouco se houve falar em Portugal e que, no entanto, reúne abundante literatura por esse

Música ao Romper da Aurora – Sanremo 2020

“Sanremo 2020” foi um espetáculo ao vivo apresentado pela televisão italiana na qual vários artistas foram homenageados. Foi este o caso do trio italiano “Ricchi e Poveri”, formado em Génova no ano de 1967, que ainda se encontra no ativo.

Música ao Romper da Aurora – Sanremo 2020

“Sanremo 2020” foi um espetáculo ao vivo apresentado pela televisão italiana na qual vários artistas foram homenageados. Foi este o caso do trio italiano “Ricchi e Poveri”, formado em Génova no ano de 1967, que ainda se encontra no ativo.