Reflexão – 2 – por Adão Cruz

 Imagem2

Nunca o silêncio falou tão alto como este que se gerou à volta do abate do avião sobre a Ucrânia.

Os papagaios das televisões fecharam a boca, os escrevinhadores de jornais cuspiram na tinta e os comentadores palradores morderam a língua.

Um absoluto contraste com a foto da capa da revista DER SPIEGEL, logo nos primeiros dias, apresentando abertamente o
Imagem1nome de Putin no meio das fotos de muitas das vítimas do hediondo crime.

 Mais uma vez os ditos meios de comunicação demonstram à saciedade que mais não são do que meios de transformação da verdade em mentira e da mentira em verdade, conforme os interesses e as estratégias da criminosa política dos novos monstros que governam o mundo.

Qual a diferença entre o frio e horrendo assassinato de quase trezentas pessoas dentro de um avião e o genocídio praticado pelos islâmicos?

O supremo valor do ser humano, a excelsa verdade da vida, a soberania da dignidade e do carácter, o sagrado conceito de humanidade sempre foram os inimigos a abater pelo nazi-fascismo, seja na Ucrânia, na Europa, na América ou em Israel.

1 Comment

Leave a Reply