CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO – CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO E ESPÓLIO DE MÁRIO DIONÍSIO; OFICINA: PEQUENOS RESTAUROS DE LIVROS; A PALETA E O MUNDO; CINEMA: ‘ENSAIO DE ORQUESTRA’ E ‘ESTA TELEVISÃO É A SUA’

8 a 11 de Maio de 2015

Uma visita aos bastidores da Casa da Achada, nomeadamente ao Centro de Documentação e ao espólio de Mário Dionísio, para estudantes, investigadores e interessados. Com Diana Dionísio e Felisbela Fonseca.

Vamos cuidar dos nossos livros, enquanto objectos de informação e cultura.
Preparados para resistir a alguns maus tratos físicos, os livros acabam por necessitar de pequenos consertos, suscetíveis de lhes prolongar a vida e funções.
Nos bastidores da leitura, urge levá-los à oficina. Reparar-lhes os danos, pode fazer parte da rotina dos leitores. Aqui está o desafio.
Como resolver de forma simples pequenas avarias, sejam apenas numa página, no conjunto do miolo, na capa? Como selecionar materiais de proteção e construir caixas? Com que ferramentas?
Será melhor começar por exemplares de capa mole, deixando os cartonados para uma fase posterior.
Vamos optar por artigos de pouco valor estimativo. Tragam, para o nosso trabalho, livros estragados, ainda que em muito mau estado.

Com Joaquim Beja.
Número máximo de participantes: 12. Para todos a partir dos 8 anos.

Ao fim da tarde, pelas 18h30, vamos continuar a leitura de A Paleta e o Mundo de Mário Dionísio. A leitura comentada, com projecção de imagens, do 1º capítulo, «A própria substância dos objectos», da 2ª parte, «Prestigio e fim duma ilusão», é de Ana Figueiredo.

Mais tarde, às 21h30, projectamos os filmes Ensaio de orquestra (1978, 70′) de Federico Fellini e Esta televisão é a sua (1997, 61′). Quem apresenta é Pedro Rodrigues.

Para o ciclo «Bastidores – Fazeres que não se vêem» não se trata de mostrar só os bastidores de uma peça de teatro ou da rodagem de um filme, mas muitos outros bastidores da vida e do quotidiano, da arte e dos fazeres. O ciclo de cinema continua até Junho, e a programação completa pode ser vista aqui.

Leave a Reply