NO TEATRO DA POLITÉCNICA, DE 6 DE NOVEMBRO A 12 DE DEZEMBRO, “O TEMPO”

No Teatro da Politécnica de 6 de Novembro a 12 de Dezembro

o_tempo_5

O TEMPO de Lluïsa Cunillé
Tradução | Ângelo Ferreira de Sousa | Com Américo Silva e Rita Brütt | Cenografia e Figurinos | Rita Lopes Alves | Luz | Pedro Domingos | Coordenação Técnica | João Chicó | Assistência | João Pedro Mamede | Encenação | Jorge Silva Melo | Uma produção Artistas Unidos M12

Ele Desanimada?6 de Novembro às 19h00 e às 21h00
3ª e 4ª às 19h00 | 5ª e 6ª às 21h | Sáb. às 16h00 e às 21h00
Reservas | 961960281

Ela Sim, ultimamente.
Ele Não.
Ela Falou-lhe alguma vez do futuro?
Ele Do futuro?
Ela Da empresa…
Lluïsa Cunillé, O Tempo

Um drama de personagens que mantém a tensão a partir de poucos elementos e do uso dos silêncios e das palavras, do que se diz e do que se cala. Obra subtil e delicada, conta a história de um homem e de uma mulher com as suas famílias e situações respectivas que, ao fim de algum tempo, coincidem de forma casual.

O desassossego que O Tempo produz não nasce daquilo que nos é oculto, mas da franca simplicidade daquilo que nos é mostrado. Ainda que o tema do tempo constitua um dos grandes temas da arte contemporânea e de todas as épocas anteriores, é um tema fácil; despi-lo de qualquer artifício é o grande êxito de Cunillé.

Leave a Reply