PRÉMIO MIGUEL DE CERVANTES PARA FERNANDO DEL PASO por Clara Castilho

livrolivros22

 

Fernando del Paso foi o vencedor deste ano do Prémio Miguel de Cervantes, o principal galardão da literatura de língua espanhola, no valor de 125 mil euros e que reconhece a figura de um escritor que, com o conjunto da sua obra tenha contribuído para enriquecer  a herança literária da língua castelhana. O júri realçou o papel de Del Paso no desenvolvimento da novela juntando a tradição e a modernidade, sendo as suas novelas, cheias de episódios da história de México, tornando-a universal.

Fernando-paso-3-2

Esta edição de  2015, coincidiu com o 400º aniversário do nascimento de Miguel de Cervantes.

Fernando del Paso é o sexto autor mexicano a ser reconhecido com o Prémio Miguel de Cervantes (que existe desde 1976). Pode nomear-se Octavio Paz, em 1981, Carlos Fuentes, em 1987, Sergio Pitol, em 2005 e José Emilio Pacheco, em 2009. Outros escritores a quem também já foi atribuído: Jorge Luis Borges (1979) e Mário Vargas Losa (1994).

O escritor nasceu a 1 de Abril de 1935. É autor de novelas emblemáticas como José Trigo, Palinuro de MéxicoNoticias del Imperio. Entre os ensaios podemos citar  El coloquio de inviernoYo soy hombre de letras  e Viaje alrededor del Quijote.

Sobre as suas influências literárias, reconhece a de  escritores como Joyce, Dos Passos, Faulkner, Sterne, Rabelais, Flaubert, Sófocles… E entre los latino- americanos declara-se admirador de Jorge Luis Borges, Alejo Carpentier e García Márquez.

Aos 80 anos, o escritor mexicano vê, agora,  aumentada a sua lista de prémios:  Prémio Rómulo Gallegos (1982), Prémio Nacional de Ciências e Artes (1991) e o Prémio Alfonso Reyes (2013).

Apesar de ser um dos mais importantes nomes vivos da literatura mexicana, não se encontra publicado em Portugal.

Leave a Reply