Lisboa Largo de São Carlos de 8 a 30 de Julho | Festival ao Largo 2016

 

festival

A 8ª edição do Festival ao Largo Millennium está prestes a iniciar-se e apresenta este ano 15 espetáculos: 8 de música, 2 de ópera, 3 de dança e 2 de teatro — de entrada gratuita e ao ar livre, no largo de São Carlos.

Com direção artística de Luísa Taveira (CNB) e Patrick Dickie (TNSC), a programação assenta nas atuações da Companhia Nacional de Bailado, da Orquestra Sinfónica Portuguesa e do Coro do Teatro Nacional de São Carlos.

Os convidados deste ano são a Orquestra Metropolitana de Lisboa e a Orquestra Gulbenkian e, ainda, as novas gerações de músicos da Orquestra Sinfónica Juvenil e da Orquestra de Sopros e Percussão do Conservatório Regional de Artes do Montijo, bem como os finalistas da Escola Superior de Teatro e Cinema.

Este ano celebramos o 400.º aniversário da morte do poeta e dramaturgo inglês William Shakespeare, também o centenário do pedido do governo do Reino Unido a Portugal para combater na 1.ª Guerra Mundial ao lado dos Aliados e teremos uma forte participação portuguesa (intérpretes, maestro), sendo de assinalar a presença do compositor/pianista Mário Laginha.

O festival termina com três espetáculos da CNB, que apresenta um programa de reportório onde se reúnem alguns dos coreógrafos que mais marcaram a História da Dança. A belíssima e feminina Serenade de Balanchine, a abstração de William Forsythe com um dueto virtuosístico e a inspiração latina de 5 Tangos de Hans van Manen são uma janela aberta para o que de melhor se produziu no séc. XX.

tv

A RTP2, parceiro e comunicação do Festival ao Largo 2016 Millennium, transmite os espetáculos dos dias 9, 16 e 23 de julho.

Este sábado, 9 de julho, ocorreu a primeira transmissão: a Orquestra Sinfónica Portuguesa e a Orquestra de Sopros e Percussão do Conservatório Regional de Artes do Montijo apresentam — sob a direção musical de Cesário Costa e com Pedro Meireles no violino a solo — Mãos na pedra, olhos no céu de Mário Laginha, a Sinfonia Espanhola, op. 21, de Édouard Lalo e a Abertura 1812 de Tchaikovski.
No dia 16 de julho, pode acompanhar através da RTP o programa Romeu e Julietae, a 23 de julho, Cavalleria Rusticana, ópera de Pietro Mascagni, em versão de concerto.

O concerto da Orquestra Metropolitana de Lisboa, inicialmente agendado para 10 de julho, realiza-se a 11 de julho, no mesmo horário, às 21h30.

 

Leave a Reply