A BARRACA – EM SETEMBRO

cabecalho

 

newsletter-setembro-2106

 

a partir do romance de José Saramago
um espectáculo de Hélder Mateus da Costa

A PARTIR DE 9 de Setembro
De Quinta a Sábado às 21h30, Domingo às 17h00 

Este belo e profundo romance convida a uma reflexão dramatúrgica muito entusiasmante.
Começa pela invenção do encontro entre Fernando Pessoa já falecido e o heterónimo Ricardo Reis, com casos reais de sexo e paixão, também de ambiente surdo, falso e pesado, e porque fala com humor da relação criador / “obra / figura/personagem”.
Além disso, define como protagonista principal da obra, o ANO em que a trama se desenvolve.

E que ANO!!??

1936! Alguns dados… Comemoração dos 10 anos do golpe militar de 28 de Maio de 1926 que foi o pontapé de saída para o início do fascismo, especialização da polícia política com o apoio da Gestapo, fundação da Mocidade Portuguesa, Legião Portuguesa e campo de concentração do Tarrafal… Mussolini invade a Etiópia com o silêncio cúmplice das casas Reais Europeias, Hitler intensifica o ataque aos judeus, começo da guerra civil de Espanha…
Nos tempos de hoje, de frágil memória, menoridade cívica e ética, fundamentalismos, militarismos, imperialismo financeiro gerando miséria e horror Universais, renascendo a tenebrosa fénix nazi-fascista, aqui está uma obra que demonstra que as convulsões sociais nunca – infelizmente – , passaram a “coisa” datada e de dispensável interesse arqueológico.

Hélder Mateus da Costa

encontros_122s

Encontro Imaginário nº 122 – 12 de Setembro 
Participação da Sociedade Civil 

Danton foi uma figura destacada na Revolução Francesa, dirigente dos Cordeliers, de onde saíram os líderes dos sans-culotte, a camada da população composta por artesãos, aprendizes e proletários. O seu talento oratório era directo e violento, mas era indulgente e considerava-se discípulo dos filósofos iluministas. Não via como conspiradores todos os que não pensassem como ele, lutou contra a política do Terror, mas foi acusado de traidor e guilhotinado. Interpretado pelo militar de Abril Vasco Lourenço.
Otelo Saraiva de Carvalho, militar de Abril, evocará Machado Santos um militar e político português, considerado o fundador da República Portuguesa pelo denodo com que se bateu na Revolução de 5 de Outubro de 1910 e depois na defesa do regime contra a intentona monárquica de 22 a 24 de Janeiro de 1919 em Monsanto. Dirigente da Carbonária, ficou desencantado com a política  que se afastava da pureza dos ideais Republicanos. Revolucionário e conspirador acabou por ser assassinado na “Noite Sangrenta” em 19 de Outubro de 1921.
John Fitzgerald Kennedy foi Presidente dos Estados Unidos  e durante o seu governo houve a Invasão da Baía dos Porcos, a Crise dos mísseis de Cuba, a construção do Muro de Berlim, o início da Corrida espacial, a consolidação do Movimento dos Direitos Civis nos Estados Unidos e o início da Guerra do Vietnam. O seu assassinato em  22 de novembro de 1963 em Dallas, Texas, continua envolvido em mistério.  Suspeita –se da indústria da guerra e armamento, dos racistas , dos donos  do petróleo e até do vice–presidente Lyndon Johson. Será interpretado por André Freire, sociólogo
 
Danton – Vasco Lourenço, militar de Abril
Machado Santos – Otelo Saraiva de Carvalho, militar de Abril
John Fitzgerald Kennedy – André Freire, sociólogo
 

Encontro Imaginário nº 123 – 26 de Setembro
Participação da Sociedade Civil

Victor Hugo  – Augusto Flor, antropólogo
Nixon – Helder Oliveira, economista
Lampião – Carlos Reis, fotógrafo

ler mais

programalx

The Freedom Theatre. Jenin
em Portugal em setembro de 2016

Após a criação da “Associação de Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina (Portugal)”, com sede no Teatro d’A Barraca, no final de 2015 – The Freedom Theatre (TFT) encontrou finalmente uma plataforma para poder incluir Portugal nas suas tournées europeias com parceiros de longa data como o Teatro do Bolhão, Trigo Limpo Teatro ACERT e A Barraca.
Em Setembro de 2016, a companhia profissional em conjunto com os alunos de terceiro ano da escola de Teatro do TFT, virão a Portugal apresentar duas criações – “Regresso à Palestina” e “Kanafani” –, oferecer workshops e palestras e realizar um intercâmbio com a juventude dos parceiros envolvidos no projeto.

LISBOA (3 a 10 de setembro)
na Festa do Avante
03/09 ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
no Teatro d’A Barraca
06/09_21h30 ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
07/09_21h30 ~ “Kanafani” + Conversa com o Público no final do espetáculo
08/09_21h30 ~ “Kanafani” + Conversa com o Público no final do espetáculo
~ Workshop para artistas: A companhia profissional do TFT partilha sobre a pedagogia de atores baseada na criação coletiva e foco em recolher e partilhar histórias sob ocupação através de formas de teatro interativo. Este trabalho é acompanhado com uma reflexão sobre responsabilidade artística e o papel do artista na resistência cultural.

09/09 ~ Workshops de Teatro para jovens: Artistas do TFT partilham sobre o seu trabalho e histórias sobre a vida na Palestina de forma interativa através de exercícios de teatro. Os alunos da escola de teatro do TFT também fazem parte do grupo – jovens dos 15 aos 25 tem oportunidade de se conhecer, partilhar e criar com jovens palestinos cujo dia-a-dia é muito diferente mas também tem bastantes coisas em comum.
10/09_18h ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
na Escola de Dança Showit
26/09_15h ~ Workshop de Folclore Palestiniano (Dabke)

PORTO (12 a 18 de setembro)
na Quinta da Caverneira, Art’imagem, Maia
12/09_21h ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
no Palácio do Bolhão
13/09 a 18/09 ~ Semana de Eventos
ARTE PELA LIBERDADE, PORTUGAL/PALESTINA

Programa de Intercâmbio ACE/TFT:
Os alunos da escola de teatro do TFT juntam-se aos alunos do terceiro ano de interpretação da ACE – trabalhando juntos sob orientação dos professores da ACE e da Escola do TFT, tem oportunidade de se conhecer, partilhar e criar com jovens cujo dia-a-dia é muito diferente mas também tem bastantes coisas em comum. Professores da ACE e da ETFT complementam-se trabalhando com estes jovens, facilitando o intercâmbio através do teatro.

Ciclo de Cinema Documental e Ficção:
13/09_21h, “Journey of a Freedom Fighter” e “Against the Wall”
14/09_18h “Remmember Us”
17/09_18h “Wanted 18”
Instalação – 3 AM Birzeit December 2015, Joana Villaverde
Espetáculos:
14/09 e 15/09 ~ “Kanafani” + Conversa com o Público no final do espetáculo
16/09 e 17/09_21h30 ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
18/09_16h ~ “Regresso à Palestina”
Eventos:
15/09_ 19h ~ ‘Teatro para a Mudança’ conversa com Micaela Miranda e Nabil Alraee, no Espaco Mira
16/09_ 18h  ~ Debate
17/09_18h Apresentação da “Associação de Amigos do Teatro da Liberdade na Palestina (Portugal)”
VILA NOVA DE GAIA (20 de setembro)
no Auditório do Centro Paroquial de Mafamude
20/09 ~ “Regresso à Palestina” + Conversa com o Público no final do espetáculo
Performance solidária com os Refugiados Sírios.
A bilheteira do espetáculo reverte para a Liga dos Amigos do Centro de Saúde de Soares dos Reis (LACSSR) com o objetivo de apoiar o acolhimento de famílias de refugiados em V.N. Gaia.

SANTA MARIA DA FEIRA (20 e 21 de setembro)
na Casa dos Choupos
20/09 e 21/09_9h30 ~ Workshop “Teatro para a Mudança”, para Artistas e agentes de intervenção social
no Cine-teatro António Lamoso
21/09_21h Comemorações do Dia Mundial da Paz: Espetáculo  ~ “Regresso à Palestina” seguido de conversa sobre o tema da vida na Palestina e dos Refugiados.

Agradecimentos:
Esta tournée só foi possível com o apoio da Associação de Amigos do Teatro da Liberdade na Palestina (Portugal) e dos principais parceiros: o Teatro da Barraca, o Teatro do Bolhão e a Trigo Limpo Teatro ACERT.
A ajuda logística da Câmara Municipal de Lisboa, da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, da Companhia Erva Daninha, do Instituto Nacional de Artes Circenses (INAC), da MOVIJOVEM, Inatel e Espaço Mira e de todos os indivíduos que se prontificaram a ajudar com o seu tempo, esforço e coragem.
Sem vocês todos nada disto seria possível:
Bem-vindos à Revolução!

Sobre os Espetáculos:

Regresso à Palestina
(duração: 35 minutos)
Jad, um Palestiniano nascido nos EUA, decide visitar a Palestina pela primeira vez na sua vida – querendo saber mais sobre o seu povo e identidade, descobre que a realidade é muito diferente do que a que se vê nas noticias.
“Mraoh 3la Flsteen” (Regresso à Palestina, em Português) foi criada no contexto de uma pesquisa e recolha de histórias através de uma forma de teatro interativo Playback Theatre – em que os atores trabalham diretamente com o público, ouvindo as suas histórias e logo a seguir representando-as em improviso – com as comunidades que fazem parte da Freedom Ride – iniciativa itinerante do Freedom Bus que viaja de comunidade em comunidade, partilhando histórias por entre os membros das comunidades e entre comunidades como forma de resistir à dureza que é viver sob a ocupação israelita na Palestina. Esta peça reúne histórias reais contadas por habitantes do Campo de refugiados de Jenin, Fasayel, Campo de Refugiados de Dheisha, Mufaqara e Shujaya (Gaza).
Num estilo sarcástico, cómico mas também trágico, os atores criam o espaço, várias personagens e até mesmo as diferentes atmosferas emocionais de forma virtuosa sem nada mais do que os seus corpos num palco imensamente pequeno – do tamanho da Palestina.
Uma peça versátil que pode ser apresentada num palco, na rua ou qualquer espaço não convencional, encenada por Micaela Miranda e criada colectivamente com o ensemble dos alunos do terceiro ano da Escola do Freedom Theatre.
Quando apresentado internacionalmente, este trabalho é complementado por um workshop/conversa, logo após o espetáculo, em que a companhia interage com o público usando as referências dos membros da audiência para identificar mitos e factos sobre a vida na Palestina e em que histórias desta pesquisa e histórias pessoais dos atores são partilhadas para dar a conhecer mais sobre as idiossincrasias da vida sob ocupação.

Encenação e Dramaturgia: Micaela Miranda
Atores: Osama Azzeh, Samah Abo Tabikh, Ihab Talahmeh, Amir Abu Rob, Raneen Odeh, Ibrahim Moqbel
Músicos: António Sérgio e Nabil Alraee

Kanafani
Uma criação com os alunos do terceiro ano da Escola do Freedom Theatre, encenada por Ahmad Tobasi, com inspiração na vida e obra de Ghassan Kanafani.
“Ouvi-te no quarto ao lado perguntar, “Mamã, eu sou Palestiniano?” Quando ela respondeu ‘Sim’ um silêncio pesado caiu sobre toda a casa. Era como se algo que pairava sobre as nossas cabeças tivesse caído, o som da sua queda explodindo, logo a seguir – silêncio. Depois… ouvi-te chorar. Não conseguia mover-me. Algo maior do que a minha consciência que nascia no outro quarto através do teu soluçar aturdido me impedia. Era como se um bisturi sagrado abrisse aberto o teu peito para lá colocar o coração que era o teu. Eu sabia, no entanto, que uma pátria distante renascia: montes, oliveiras, pessoas mortas, bandeiras rasgadas e outras dobradas, todos abrindo caminho para um futuro de carne e sangue no coração de mais uma criança… Acreditas que um Homem se faz crescendo? Não, ele nasce assim de repente – uma palavra, um momento, penetra no coração um novo pulsar. Uma única cena pode arremessá-lo do topo do telhado da infância e estatelá-lo na robustez da estrada.” Ghassan Kanafani
Um trabalho físico em que os atores trabalham numa linguagem universal que comunica com públicos de qualquer parte do mundo.

Encenação e Dramaturgia: Ahmad Tobasi
Apoio à Dramaturgia: Ahmad Rokh
Coordenação e Gestão de Produção: Alaa Shgehadeh
Atores: Osama Azzeh, Samah Abo Tabikh, Ihab Talahmeh, Amir Abu Rob, Raneen Odeh, Ibrahim Moqbel
Movimento: Marco Becherini

ler mais

NO BAR A BARRACA
Concertos, Poesia e Milonga

 

> Forró em concerto c/ Luso Baião às Quartas :: 22h30
entrada 5eur

> Quintas de Poesia com Miguel Martins e convidados :: 23h00 
entrada livre

> Dia 10 :: 23h00 :: Swing Station lindyhop 
entrada 3€

Dia 20 :: 21h30 :: Stand Up Comedy
entrada a divulgar

> Dia 23 :: 22h00 :: Contadores “Andante”
entrada 4€

> Dia 27 :: 21h30 :: Stand Up Comedy
entrada a divulgar

> Dia 30 :: 18h00 :: Lançamento livro Ed. Oz
entrada livre

> Todos os domingos :: das 21h30 às 00h30 :: noite de tango

 

MILONGA DA BARRACA

 

A abraçar lisboa desde 1999!

É a mais antiga milonga de Lisboa, começou há quase 13 anos e hoje ainda é uma referência do tango em Lisboa. Dança-se o tango mais tradicional, a milonga e a valsa derivada do tango argentino. No fim, há fado.
http://www.tangoportugal.com/
Entradas: 6€
para alunos :: 3€

Todos os domingos :: das 20h às 21h30 :: aulas de tango 
Aulas de Tango Milonguero
Venha aprender a dançar o tango!

Com Alejandro Laguna e equipa da milonga d’A Barraca: Leonor, Manuel, Ilídio, Melanie

Para Iniciados e Avançados
Aula de experimentação: 8€
Aulas compradas avulso: 13€

ler mais

 

Contactos

 

Morada

Barraca
Largo de Santos, nº2
1200-808 Lisboa

Telefone / Fax

Tm. 968792495, 913341683
T.213965360, 213965275 (10h00 às 18h00)
F. 213955845

E-Mail

producao@abarraca.com
bilheteira@abarraca.com
barraca@mail.telepac.pt

Leave a Reply