HOJE, O MUNDO CELEBRA O CENTENÁRIO DE PAULO FREIRE por Clara Castilho

A 19 de Setembro de 2021 comemora-se o centenário do nascimento de Paulo Freire  (1921-1997) . É conhecido principalmente pelo seu método de alfabetização de adultos. Não lhe chegava que aprendessem a ler e a escrever, pretendia que atingissem a consciencialização da condição de desfavorecido, de oprimido, para que se pudessem “libertar”. O seu livro mais conhecido é “Pedagogia do Oprimido”.

À educação dada nas escolas chamava “educação bancária”, numa pirâmide professor-aluno, de passagem de conhecimento, doado, pondo o aluno numa posição passiva e matando a curiosidade e o desejo de aprender.

Freire dizia que ninguém ensina nada a ninguém, mas também que as pessoas não aprendem sozinhas. “Os homens se educam entre si mediados pelo mundo”. E o aluno não vai sem conhecimentos, leva os da sua cultura. Assim, todos aprendem uns com os outros. O seu método de alfabetização é baseado nas experiências de vida das pessoas. A partir da descodificação fonética das palavras do dia a dia de cada um pode-se ir construindo novas palavras e ampliando o repertório.

Brasil, S¿o Paulo, SP. 16/08/1993. O educador e filÛsofo Paulo Freire posa para foto durante entrevista concedida para o Grupo Estado na capital paulista. Pasta:48105 Negativo:935050.2 Contato:0803100 – CrÈdito:CL¿VIS CRANCHI SOBRINHO/ESTAD¿O CONTE¿DO/AE/Codigo imagem:112225

A Paulo Freire foram atribuídos 41 títulos de Doutor Honoris Causa de universidades como Harvard, Cambridge e Oxford.

Existe um Instituto Paulo Freire (IPF) que é uma associação civil, sem fins lucrativos, criada em 1991 e fundada oficialmente a 1 de Setembro de 1992. Atualmente, o IPF se constitui numa rede internacional que integra pessoas e instituições distribuídas em mais de 90 países em todos os continentes, com o objetivo principal de dar continuidade e reinventar o legado de Paulo Freire (http://www.paulofreire.org/)

Possui uma Biblioteca digital que pode ser consultada em http://www.paulofreire.ufpb.br/paulofreire/

Leave a Reply