Pentacórdio para Sábado, 13 de Abril

por Rui Oliveira

 

 

 

   Voltamos a destacar neste Sábado, 13 de Abril, como já fizéramos no passado 26 de Janeiro, a pianista georgiana Elisabeth Leonskaja que volta ao Gande Auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, às 19h, para continuar a interpretação integral das Sonatas para Piano de Schubert, de que executará então o seu programa III, prosseguindo no Domingo 14, também às 19h, com um programa IV obviamente diferente.1-20120229-12323-8474-pic

   Na apreciação à pianista reproduzimos parte das notas do programa : «Esta rapariga está no caminho certo», foi o que exclamou Sviatoslav Richter após um recital onde a jovem Elisabeth Leonskaja interpretara duas sonatas de Beethoven. Ele era já uma lenda, ela era uma sólida promessa. O tempo confirmou-a como uma das maiores pianistas do mundo, exímia no repertório que oscila entre Beethoven, Brahms, Chopin, Tchaikovsky e Schubert, sendo este último um dos seus favoritos. O compositor André Boucourechliev descreveu-a assim à revista Diapason: «Superando-se constantemente a si própria, guiada pela sua própria exigência, pela sua inteligência e paixão, ela escalou os cumes só alcançados pelos grandes da nossa era.»

  [Em http://aviagemdosargonautas.net/2013/01/24/pentacordio-para-sabado-26-de-janeiro/ encontrará o leitor os outros elementos por nós já divulgados 

   Do programa de Sábado, 13 da Integral das Sonatas para Piano de Schubert III”  constam :

         Franz Schubert  Sonata em Mi bemol maior, D. 568

                                      Fantasia em Dó maior, Der Wanderer, D. 760

                                      Sonata em Sol maior, D. 894

 

   Aqui a pianista georgiana toca o Impromptu em Mi bemol op. 90 nº 2 de Schubert como encore no Festival “Sommets Musicaux de Gstaad 2010” :

 

 

 

myrninerest 

   O Maria Matos Teatro Municipal será palco, na sua Sala Principal, do espectáculo musical «MYRNINEREST – “Jhonn,” Uttered Babylon», às 22h deste Sábado, 13 de Abril.

 IMG_0456_1024x1024_large  Este primeiro trabalho do seu novo projecto “Myrninerest” é uma narração alucinatória sobre a vida e a morte de Jhonn Balance vista pelos olhos, pelo coração e pelas palavras do seu amigo íntimo (e cúmplice regular nos Current 93) David Tibet (na foto) com música inteiramente composta por James Blackshaw.

   O requiem apaixonado e comovente ao co-fundador (com Peter Christopherson) dos “Coil” é traduzido ao vivo por David Tibet voz, James Blackshaw guitarra, harmónio, Reinier van Houdt piano, Andrew Liles guitarra eléctrica, Aloma Ruiz Boada violino e Davide Pepe vídeo.

   Este é o tema Aiwass the Wooden Hall : Chaos in His ChoirBoy do álbum “Myrninerest – Jhonn, Uttered Babylon” tocado ao vivo no Volksbühne em Berlim em Abril de 2012 :

 

 

 

perf4-494x310   Termina no São Luiz Teatro Municipal neste Sábado, 13 de Abril o por nós já noticiado “INARTE – Encontros Internacionais de Inclusão pela Arte” com a apresentação na sua Sala Principal, às 21h, do dueto de dança-teatro “Extra-ordinary”, vencedor do “Standard Bank Ovation 2010” e do “AMI Award for Dance 2011”.

   Protagonizado por David Toole e Lucy Hind (um sem pernas, outra sem noção…), tem dramaturgia de Matthew David Scott, coreografia dos próprios intérpretes, sendo Lucy Bennett a coreógrafa convidada.

   Sinopse do dueto (que o vídeo junto explicita) : David Toole, aclamado pelo seu trabalho como actor e bailarino no palco e no ecrã, tem a sua maior fã prestes a tornar-se parceira num extraordinário dueto. Como se sairá a ingénua Lucy Hind? Como é que se vai conter na presença do seu ídolo? Espera-os uma viagem mais que extraordinária de auto-descoberta …

 

Extraordinary from Slung Low on Vimeo.

 

 

mupiavol   Estreou na passada Quarta-feira, 10 de Abril no Teatro Cinearte (a Santos) pelo colectivo “A Barraca”, às 21h30, a peça inédita de Armando Nascimento Rosa denominada “O Menino de sua Avó”, com a interpretação criativa de Maria do Céu Guerra e Adérito Lopes e música de António Victorino D’Almeida.

   O espectáculo, cuja cenografia e figurinos são de José Costa Reis, exibe-se de Quarta a Sábado à noite e aos Domingos às 17h até 28 de Abril próximo.

   “É um dueto cénico entre Fernando Pessoa e a sua Avó Louca, sete encontros onde o fantástico ganha a  cena. Numa divertida fantasia, material e imaterial confundem-se,  à maneira pessoana, entre personagens que se cruzam do lado de cá para o lado de lá da vida” (segundo o programa de sala).

 

 

 

   Voltando à música, ocorrerá no Museu da Música (na estação do metropolitano Alto dos Moínhos) o 2º concerto do ciclo “Um Músico, um Mecenas” neste Sábado, 13 de Abril, às 18h, onde o recital com instrumentos da colecção do Museu da Música terá lugar pela mão de Duarte Pereira Martins e Nuno Cardoso,Duarte_Pereira_Martins_Nuno_Cardoso que interpretarão repertório português dos séculos XIX e XX (obras de Alfredo Keil, Luiz Costa e Cláudio Carneyro) no piano e violoncelo que pertenceram, respectivamente, a Luís de Freitas Branco e Guilhermina Suggia.

   Em posteriores edições a decorrer até Novembro, ir-se-á dar voz a tesouros nacionais e instrumentos de valor histórico único, como o violoncelo Stradivarius que pertenceu ao rei D. Luís, o cravo construído por Joaquim José Antunes em 1758 e, após um restauro por muitos aguardado há longos anos, o pianoforte único de Henrique van Casteel (Lisboa, 1763).

   Mostramos-lhe a interacção entre os dois jovens instrumentistas na interpretação da “Berceuse” de David Souza :

 

 

 

Coro Infantil IGL   Integrado na 2ª edição da iniciativa “Encontro com Coros no MNAA”, realiza-se às 16h deste Sábado, 13 de Abril, com entrada livre no Auditório do Museu Nacional de Arte Antiga (às Janelas Verdes) um concerto pelo Coro Infantil do Instituto Gregoriano, sob a direcção da Professora Filipa Palhares, em que o professor Marcos Lázaro será solista ao violino e a professora Karina Aksenova acompanhará ao piano.

   Serão interpretadas obras de Gabriel Fauré (1845-1924), de Eric Whitacre (1960), de John Rutter (1945) e de Canto Gregoriano.

 

 

 

   A Galeria Zé dos Bois (ZBD) recebe, neste Sábado, 13 de Abril, às 22h, primeiro o saxofonista Pedro Sousa e, em seguida, o grupo nova-iorquino de rock (psicadélico?) os Sightings.

sightingssite   Diz a ZDB que «… passados mais de dez anos, ainda hoje é quase inevitável traçar um perfil dos “Sightings” sem de algum modo os levar até a um suposto ‘fim do rock’… mas a verdade é que o trio de Mark Morgan, Richard Hoffman e John Lockie contínua a pontapear esse eterno quase-cadáver que é o rock para o acordar, com a mesma premência de sempre. E a ser a melhor banda a fazê-lo desde então … a banda foi continuamente instigando a sua própria música a pequenas revoluções internas capazes de albergar mundos de música, sempre assente na formação clássica de voz, guitarra, baixo e bateria… Ora deambulando por longos temas de maximalismo sensorial, ora por canções incisivas agarradas ao nervo, todas estas coordenadas se iam contorcendo para a posteridade em álbuns como “Arrived in Gold”, “End Times” ou “City of Straw”, que foram sendo espalhados por algumas das editoras mais ilustres do subterrâneo norte-americano …»

   Este é o vídeo do tema “Tar & Pine” de uma das suas últimas produções “City of Straw” de 2010 : http://youtu.be/dX3YQeSoWhg , mas preferimos deixá-los com uma sua actuação ao vivo abordando o seu último ábum “Future Accidents” em Udine (Itália) em Novembro de 2011 :

 

 

 

concerto_capela_nova_20130409_gf   Por último, como NOTÍCIA EM ATRASO, realiza-se HOJE, Quinta-feira, 11 de Abril, às 21h30, na Basílica dos Mártires (Rua Garrett, ao Chiado), com entrada livre, um Concerto Coral “Magnificat” pelo Coro Capela Nova dirigido por Fernando Pinto.

   O seu programa compreende :

   Ave Maria de Palestrina,  Ave Maris Stella de James MacMillan, Missa de Beate Virgine Maria de Filipe de Magalhães, Salve Regina de Poulenc, Nunc Dimitis de John Tavener e The Canticle of Zacariah, St Patrick’s Magnificat de James MacMillan.

 

 

(para as razões desta nova forma de Agenda ler aqui ; consultar a agenda de Quinta aqui)

 

 

 

 

1 Comment

Leave a Reply