Category Archives: Geral

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 9. No 20º aniversário do euro, a homenagem de Draghi perpetua mitos há muito rejeitados

(Ashoka Mody,  25 de Janeiro de 2019)

O problema com a UE e o Euro é que se baseiam em mentiras sob a presunção de que, se repetidas com suficiente frequência, se tornarão realidade. Isto funcionou bem durante algum tempo, mas como disse Abraham Lincoln: “Você pode enganar todas as pessoas em algum momento do tempo, e algumas pessoas o tempo todo, mas  não pode enganar todas as pessoas durante todo o tempo. O número de pessoas que  pode enganar está a afundar-se   muito rapidamente.

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 9. No 20º aniversário do euro, a homenagem de Draghi perpetua mitos há muito rejeitados

(Ashoka Mody,  25 de Janeiro de 2019)

O problema com a UE e o Euro é que se baseiam em mentiras sob a presunção de que, se repetidas com suficiente frequência, se tornarão realidade. Isto funcionou bem durante algum tempo, mas como disse Abraham Lincoln: “Você pode enganar todas as pessoas em algum momento do tempo, e algumas pessoas o tempo todo, mas  não pode enganar todas as pessoas durante todo o tempo. O número de pessoas que  pode enganar está a afundar-se   muito rapidamente.

SÓ HÁ VÍTIMAS SE HOUVER AGRESSORES por Luísa Lobão Moniz

  Este ano de 2019 tem sido dominado pelo tema da violência contra as mulheres que acaba com o homicídio. Muitas justificações têm sido dadas: “ele só bate quando vem bêbado”, “ ele bate porque a mulher o provoca”, “

SÓ HÁ VÍTIMAS SE HOUVER AGRESSORES por Luísa Lobão Moniz

  Este ano de 2019 tem sido dominado pelo tema da violência contra as mulheres que acaba com o homicídio. Muitas justificações têm sido dadas: “ele só bate quando vem bêbado”, “ ele bate porque a mulher o provoca”, “

Venezuela a ser atacada: 7 notas sobre o apagão eléctrico. Por Misión Verdad

Obrigado a Misión Verdad Publicado por , em 10 de março em 2019   Entre a tarde de 8 de março e a madrugada de 10 de março, a Venezuela foi vítima de um novo ataque de sabotagem, o maior

Venezuela a ser atacada: 7 notas sobre o apagão eléctrico. Por Misión Verdad

Obrigado a Misión Verdad Publicado por , em 10 de março em 2019   Entre a tarde de 8 de março e a madrugada de 10 de março, a Venezuela foi vítima de um novo ataque de sabotagem, o maior

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 8. O euro, 20 anos de cegueira

(Romain Masson , 10 de Janeiro de 2019)

Os defensores dos “Estados Unidos da Europa” também ignoram ou fingem ignorar que o federalismo implica uma política fiscal comum para permitir transferências das regiões mais ricas para as mais pobres, como está a acontecer  dentro das nações. No entanto, desde a criação do euro, a Alemanha recusou-se categoricamente a avançar para uma união de transferências que os teria obrigado a subsidiar os outros Estados-Membros e continua a opor-se-lhe.

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 8. O euro, 20 anos de cegueira

(Romain Masson , 10 de Janeiro de 2019)

Os defensores dos “Estados Unidos da Europa” também ignoram ou fingem ignorar que o federalismo implica uma política fiscal comum para permitir transferências das regiões mais ricas para as mais pobres, como está a acontecer  dentro das nações. No entanto, desde a criação do euro, a Alemanha recusou-se categoricamente a avançar para uma união de transferências que os teria obrigado a subsidiar os outros Estados-Membros e continua a opor-se-lhe.

Mulheres afegãs: do progresso ao medievalismo misógino ‘made in USA’. Por Nazanín Armanian

Obrigado a Nazanín Armanian e ao Público.es Publicado por  em 8 de março de 2019 Os meios de comunicação costumam dividir a história das mulheres afegãs em “antes e depois dos talibãs” e com dois objetivos: a) apresentar a NATO como

Mulheres afegãs: do progresso ao medievalismo misógino ‘made in USA’. Por Nazanín Armanian

Obrigado a Nazanín Armanian e ao Público.es Publicado por  em 8 de março de 2019 Os meios de comunicação costumam dividir a história das mulheres afegãs em “antes e depois dos talibãs” e com dois objetivos: a) apresentar a NATO como

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 7. O conflito na zona euro e o seu futuro

(Antonio Lettieri , 20 de Janeiro de 2019)

Este ano, a zona euro faz vinte anos. Se os primeiros dez anos foram caracterizados por uma complexa fase de arranque em busca de um equilíbrio interno, a segunda década foi marcada por uma crise que ainda não encontrou solução. A zona euro sofreu duas crises em 2008-2009 e 2012-13. E, atualmente, está novamente marcada por um declínio no crescimento e por um aumento do desemprego.

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 7. O conflito na zona euro e o seu futuro

(Antonio Lettieri , 20 de Janeiro de 2019)

Este ano, a zona euro faz vinte anos. Se os primeiros dez anos foram caracterizados por uma complexa fase de arranque em busca de um equilíbrio interno, a segunda década foi marcada por uma crise que ainda não encontrou solução. A zona euro sofreu duas crises em 2008-2009 e 2012-13. E, atualmente, está novamente marcada por um declínio no crescimento e por um aumento do desemprego.

Nuvens bem negras sobre a Europa, sobre o mundo, enquanto lhe vendem a esperança dos amanhãs que cantam – “Os fantasmas de Versalhes”. Por Harold James

      Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Os fantasmas de Versalhes  Por Harold James Publicado por  em 1 de fevereiro de 2019 Exatamente 100 anos após o início do processo de paz de Paris que formalizou o

Nuvens bem negras sobre a Europa, sobre o mundo, enquanto lhe vendem a esperança dos amanhãs que cantam – “Os fantasmas de Versalhes”. Por Harold James

      Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Os fantasmas de Versalhes  Por Harold James Publicado por  em 1 de fevereiro de 2019 Exatamente 100 anos após o início do processo de paz de Paris que formalizou o

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 4. A América e o Mundo: O Crash de 2008 e a Eurotragédia. Por Jonathan Story

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 4. A América e o Mundo: O Crash de 2008 e a Eurotragédia  Por Jonathan Story Publicado pelo blog do autor ,em 21 de outubro de 2018   Os dois livros em estudo

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 4. A América e o Mundo: O Crash de 2008 e a Eurotragédia. Por Jonathan Story

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 4. A América e o Mundo: O Crash de 2008 e a Eurotragédia  Por Jonathan Story Publicado pelo blog do autor ,em 21 de outubro de 2018   Os dois livros em estudo

Em nome da competitividade: Portugal mais longe da Democracia Real, mais perto de ser um paraíso fiscal? – “Não existe uma relação entre as taxas de imposto e a competitividade!”, por Francis Weyzig

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Não existe uma relação entre as taxas de imposto e a competitividade!  Por Francis Weyzig Texto editado pelo autor em 6 de outubro de 2017   A Holanda juntou-se à corrida das taxas

Em nome da competitividade: Portugal mais longe da Democracia Real, mais perto de ser um paraíso fiscal? – “Não existe uma relação entre as taxas de imposto e a competitividade!”, por Francis Weyzig

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Não existe uma relação entre as taxas de imposto e a competitividade!  Por Francis Weyzig Texto editado pelo autor em 6 de outubro de 2017   A Holanda juntou-se à corrida das taxas

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 3. A tragédia do euro” ou a incrível bolha cognitiva em que a Europa se fechou. Entrevista a Ashoka Mody, autor do livro económico do ano de 2018 nos Estados Unidos

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 3. A tragédia do euro” ou a incrível bolha cognitiva em que a Europa se fechou. Entrevista a Ashoka Mody, autor do livro económico do ano de 2018 nos Estados Unidos Entrevista conduzida

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 3. A tragédia do euro” ou a incrível bolha cognitiva em que a Europa se fechou. Entrevista a Ashoka Mody, autor do livro económico do ano de 2018 nos Estados Unidos

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 3. A tragédia do euro” ou a incrível bolha cognitiva em que a Europa se fechou. Entrevista a Ashoka Mody, autor do livro económico do ano de 2018 nos Estados Unidos Entrevista conduzida

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 6. A Europa, um continente que se transforma num desolado modelo alemão

(Heiner Flassbeck, 25 de Janeiro de 2019)

Os políticos de centro-direita alemães dizem que os britânicos devem ser punidos por ousarem abandonar a União, enquanto os alemães de centro-esquerda lamentam que tenhamos de enfrentar seriamente uma reforma fundamental da UE, em vez de esperarmos uma desagregação da Europa. Há um grande debate na esquerda porque há quem acredite que o Brexit prova que sair da UE é uma “loucura”. Talvez a verdade esteja no meio ou noutro lugar qualquer.

Em 1999, uma criança nasceu, de parto prematuro e com deformidades congénitas: o Euro 20 anos depois – alguns textos sobre a sua atribulada existência. Texto nº 6. A Europa, um continente que se transforma num desolado modelo alemão

(Heiner Flassbeck, 25 de Janeiro de 2019)

Os políticos de centro-direita alemães dizem que os britânicos devem ser punidos por ousarem abandonar a União, enquanto os alemães de centro-esquerda lamentam que tenhamos de enfrentar seriamente uma reforma fundamental da UE, em vez de esperarmos uma desagregação da Europa. Há um grande debate na esquerda porque há quem acredite que o Brexit prova que sair da UE é uma “loucura”. Talvez a verdade esteja no meio ou noutro lugar qualquer.

Em nome da competitividade: Portugal mais longe da Democracia Real, mais perto de ser um paraíso fiscal? – “Conheça Portugal, o novo paraíso fiscal”, por Francis Weyzig

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Conheça Portugal, o novo paraíso fiscal  Por Francis Weyzig Texto editado pelo autor em 25 de outubro de 2017 Há algumas semanas, o escritório de advogados Henley & Partners promoveu os seus programas

Em nome da competitividade: Portugal mais longe da Democracia Real, mais perto de ser um paraíso fiscal? – “Conheça Portugal, o novo paraíso fiscal”, por Francis Weyzig

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Conheça Portugal, o novo paraíso fiscal  Por Francis Weyzig Texto editado pelo autor em 25 de outubro de 2017 Há algumas semanas, o escritório de advogados Henley & Partners promoveu os seus programas

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 2. Uma marcha de loucos. Por Andrew Stuttaford

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 2. Uma marcha de loucos  Recensão sobre o livro “EuroTragedy: A Drama in Nine Acts”, de Ashoka Mody (Oxford University Press) Por Andrew Stuttaford, em 26 de julho de 2018 Publicado por  em 13

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 2. Uma marcha de loucos. Por Andrew Stuttaford

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 2. Uma marcha de loucos  Recensão sobre o livro “EuroTragedy: A Drama in Nine Acts”, de Ashoka Mody (Oxford University Press) Por Andrew Stuttaford, em 26 de julho de 2018 Publicado por  em 13

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 1. Uma década turbulenta, por Matthew Soener

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 1. Uma década turbulenta Recensão sobre o livro de Adam Tooze, Crashed. How a Decade of Financial Crises Changed the World, Penguin Por Matthew Soener Publicado por  em 18 fevereiro de 2019  

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: 1. Uma década turbulenta, por Matthew Soener

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 1. Uma década turbulenta Recensão sobre o livro de Adam Tooze, Crashed. How a Decade of Financial Crises Changed the World, Penguin Por Matthew Soener Publicado por  em 18 fevereiro de 2019  

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: Um adeus de porta aberta às ideias, por Júlio Marques Mota

Um adeus de porta aberta às ideias Por Júlio Marques Mota em 27 de fevereiro de 2019 Quando se é velho, como é o meu caso, começa-se a ter necessidade de agarrar os fragmentos das memórias que nos restam sobre

Um adeus a Carlos Tenreiro- reflexões em torno da bolha cognitiva dos tempos de agora: Um adeus de porta aberta às ideias, por Júlio Marques Mota

Um adeus de porta aberta às ideias Por Júlio Marques Mota em 27 de fevereiro de 2019 Quando se é velho, como é o meu caso, começa-se a ter necessidade de agarrar os fragmentos das memórias que nos restam sobre