MAUNA LOA – UM VULCÃO GIGANTE NO PACÍFICO – por João Machado

Arquipélago de Hawai Obrigado à Wikipedia
Arquipélago de Hawai
Obrigado à Wikipedia

Os Hawai são um estado norte-americano desde 1959. Ficam situados no centro do oceano Pacífico, a cerca de três mil quilómetros do continente mais próximo, e tem origem vulcânica. Compreende oito ilhas, e muitos atóis, rochedos, ilhotas.  A maior de todas é Hawai, ou Ilha Grande, como lhe chamam para não fazer confusão com o nome do arquipélago no seu todo. Esta tem um pouco mais de dez mil quilómetros quadrados, e conta com vários vulcões activos e extintos, como  o Mauna Loa, o Kilauea e o Mauna Kea. A cerca de 35 quilómetros para sudeste da costa da ilha está o vulcão submarino de Lo’ihi, bastante mais recente que os outros, e que tem tido actividade nos últimos anos. Fica no flanco do Mauna Loa.

Mapmaunaloa_svg

O Mauna Loa, em extensão, massa e volume, é o maior vulcão do mundo. Está activo, tendo a última erupção ocorrido em 1984. Estima-se que existe há algumas centenas de milhares de anos. O seu magma provem de um ponto quente situado no manto da crusta de terrestre, que aliás estará na origem da cadeia montanhosa submarina chamada Havaiana-Imperador, que atravessa o Pacífico Norte, desde a ponta sudoeste do Hawai, na direcção nordeste, quase até às ilhas Aleútas.  É um vulcão em forma de escudo, devido a emitir grandes quantidades de magma muito fluído, com pouca sílica, que forma correntes longas, que, ao solidificarem, formam geralmente encostas relativamente suaves. As erupções tendem a ser pouco explosivas, ao contrário dos vulcões com lavas muito fluídas.

Mauna_Loa_Volcano
Ao centro, o Mauna Loa, 3000 metros mais alto que o Kilauea, com uma cratera visível à esquerda. À direita, ao fundo, o Hualalai.
Obrigado aos serviços geológicos norte-americanos e à Wikipedia.

O Mauna Loa é geralmente considerado como o maior vulcão do nosso planeta. Embora a sua altitude, 4169 metros, seja inferior à do seu vizinho Mauna Kea, a sua massa estimada entre 65000 e 80000 quilómetros cúbicos constitui mais de metade da ilha de Hawai. A parte que fica acima do nível do mar forma um bloco único com a parte submarina, atingindo um total de mais de 9000 metros de altitude a contar do fundo do mar, mais portanto do que o Everest, que atinge os 8848 metros. Entretanto considera-se que a massa do Mauna Loa entra na crusta terrestre, abaixo do nível do fundo mar, por mais cerca de 8000 metros, inferindo-se assim que ultrapassaria os 17000 metros de altitude, da base ao topo. À superfície, a largura máxima ultrapassa os 120 quilómetros.

Vejam:

http://traveltips.usatoday.com/information-mauna-loa-volcano-hawaii-13725.html

http://www.hawaii.volcanoes.national-park.com/

http://hvo.wr.usgs.gov/maunaloa/

5 Comments

  1. A talho de foice não teria ficado mal uma palavrinha, simples que fosse, sobre a violência ianque para destruir a Independência hawaiana.e roubar um Estado.

  2. Carlos Leça da Veiga, obrigado pelo teu comentário. Confesso que, quando preparei este pequeno trabalho, pensei sobretudo nos aspectos geográficos e geológicos do Hawai, e sobretudo no Mauna Loa. Permito-me propor que sejas tu a escreveres sobre a história e vida política do arquipélago, assunto sobre o qual, neste momento, não tenho possibilidades de me debruçar.

    Um abraço

    João

  3. Rui Miguel Lima Colares, muito obrigado pelo seu comentário. E desculpe ter demorado tanto tempo a responder-lhe. O atraso deveu-se a uma série de razões. Mas como deve ter percebido não sou especialista na matéria, apenas um curioso. Pelo que sei as erupções do Mauna Loa são mais do tipo efusivo. A lava que geralmente emite é pobre em sílica e bastante líquida, sendo emitida através de fendas no solo. Daí o vulcão ter formado um escudo (acho que é assim que se diz, peço desculpa se não sou rigoroso) tão grande pois as correntes de lava atingem grandes distâncias. Também julgo saber que já aconteceu, em certos vulcões, as erupções serem de um tipo durante muito tempo, e devido a razões de ordem geológica (campo em que sou ignorante) mudarem de tipo. Julgo que, ao que se sabe, não é o caso do Mauna Loa.

    Por favor, acompanhe-nos, e sinta-se à vontade para fazer mais comentários.

Leave a Reply