CASA DA MÚSICA – 10 ANOS A DAR MÚSICA, DIA 2 DE ABRIL, “MAPA – O JOGO DA CARTOGRAFIA”, ÀS 21 H

 

No dia 2 de Abril, o espectáculo “Mapa – o jogo da cartografia” pode ser visto, às 21 horas, na sala Suggia.

 2.4 cm

Criação Colectiva

Hugo Cruz direcção

Susana Madeira assistência de direcção

Regina Guimarães a partir de criação colectiva texto

Bruno Estima direcção musical

Óscar Rodrigues, Pedro Augusto, Tiago Oliveira músicos Coro Clássico do Orfeão Universitário do Porto; Coro Sénior da Fundação Manuel António da Mota; Grupo de Percussão do Centro de Iniciativa Jovem e Orquestra Comunitária de Lordelo do Ouro

ADILO grupos convidados

Hugo Ribeiro cenografia

Wilma Moutinho direcção técnica e desenho de luz

Tiago Ralha, Pedro Augusto desenho de som

Lola Sousa figurino da personagem “Porto”

Grupo AGE, Grupo Auroras – Lagarteiro, Grupo de Teatro Comunitário EmComum – Lordelo do Ouro, Grupo de Teatro Comunitário da Vitória – Centro Histórico e Grupo de Teatro de Surdos do Porto, Actores de teatro comunitário da cidade do Porto interpretação

PELE, Teatro Nacional São João e Serviço Educativo da Casa da Música co-produção

ADILO, ESMAE e ASP apoio

Porto Canal media partner

 Projecto co-financiado pela SEC / DG Artes

Envoltos numa sensação paralisante procuramos caminhos que parecem ser sempre paralelos e que não se tocam entre o individual e o colectivo, o local e o universal, o tradicional e o contemporâneo. Experimentamos diálogos entre as tribos e a Polis, o terreno e o sagrado, as narrativas pessoais e as narrativas poéticas e teatrais. Estamos diante de uma necessidade de fuga a uma hierarquia muda e a busca de uma democracia com voz é um escavar contínuo rumo às origens das coisas, recuperando o encontro da política e do teatro no aqui e agora. Estas são as tensões dos nossos dias, estas são as nossas urgências e são comuns, e são muitas e são as mesmas. É “agora” nesta “ágora” sem tempo e espaço definidos que o MAPA ensaia uma outra cidade.

Leave a Reply