NA CASA DA MÚSICA, PORTO, DIA 8 DE MAIO, 21 H., PRIMEIRAS SINFONIAS E GREG LAMY QUARTET | DAN COSTA PROJECT

A Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música vai tocar dia 8 de Maio, às 21 horas, na sala Suggia, sob a direcção musical de Antoni Wit .

8.5 - cm

 Programa:

Richard Wagner Polónia

Felix Mendelssohn Sinfonia nº 1

Robert Schumann Sinfonia nº 1, Primavera

Mendelssohn tinha 15 anos quando compôs a primeira sinfonia, demonstrando uma precocidade apenas comparável a Mozart. Robert Schumann era já um músico maduro quando compôs a Sinfonia da Primavera, estreada sob a direcção de Mendelssohn, achando que o piano já não era suficiente para exprimir o seu pensamento orquestral.

Abertura Polónia é uma obra ligeira e despreocupada, fazendo lembrar as marchas que as bandas militares tocavam no século XIX ou as aberturas de óperas ligeiras, facto que representa um amplo contraste entre a inspiração criativa do jovem Wagner e a densidade das óperas pelas quais ficou conhecido.

 “Antoni Wit é inquestionavelmente um dos grandes.” [Classics Today]

 Na sala 2, às 22:45, Spring ON! / Novas Tendências do Jazz | O Rito da Primavera

 GREG LAMY QUARTET LUXEMBURGO

Greg Lamy guitarra

Gautier Laurent contrabaixo

Johannes Müller saxofone

Jean‑Marc Robin bateria

 Greg Lamy tem‑se destacado como um guitarrista de discurso elegante, som limpo e criatividade melódica a lembrar mestres lendários como Wes Montgomery e Jim Hall.

Tem tocado em inúmeros clubes e festivais pela Europa e em Nova Iorque, incluindo o 55 Bar em Greenwich Village, Knitting Factory e Winter Jazz Festival. Paralelamente às colaborações como convidado de outros artistas, criou o seu quarteto em nome próprio em 2007, com o qual editou o álbum I See You e mais recentemente o novo Meeting para a Igloo Records. Greg Lamy nasceu em Nova Orleães, estudou em Berklee e trabalha entre Luxemburgo e Paris.

 DAN COSTA PROJECT PORTUGAL

Dan Costa piano

Diego Alonso Álvarez sax tenor & alto

Klênio Barros trombone

Nuno Trocado guitarra

Diogo Dinis contrabaixo

Toni Maresca bateria

 Dan Costa apresenta o seu projecto de originais marcado pela confluência das diversas culturas que o tocaram. Premiado pelo Rotary Club em 2015, é licenciado em Piano Jazz pela Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo e diplomado pelo Liverpool Institute for Performing Arts. O jovem músico de ascendência luso‑ italiana tem participado em festivais e projectos que o levaram a vários países da Europa e aos EUA. Uma bolsa de mérito permitiu‑ lhe estagiar no Brasil, uma etapa fundamental do seu percurso artístico e que contribuiu para se deixar influenciar pela bossa nova e os ritmos brasileiros, que cruza com o jazz.

 

Leave a Reply