No Teatro Nacional São Carlos de 29 de Maio a 6 de Junho THE RAKE’S PROGRESS Ópera de Igor Stravinsky

No TNSC de 29 de Maio a 6 de Junho:

 

tnsc

 

THE RAKE’S PROGRESS
de Igor Stravinsky (1882-1971)
ópera em três atos
Libreto W. H. Auden e Kallman
Inspirado em A Carreira do Libertino, conjunto de oito pinturas e gravuras, de William Hogarth

Lisboa, Teatro Nacional de São Carlos
29 de maio, 2, 4 e 6 de junho (20h); 31 de maio (16h)

Direção musical Joana Carneiro
Encenação, cenografia e desenho de luz Rui Horta
Figurinos Pepe Corzo

Intérpretes
Tom Rakewell Tuomas Katajala
Anne Truelove Ambur Braid
Nick Shadow Luís Rodrigues
Baba, a turca Maria Luísa de Freitas
Truelove, pai de Anne Nuno Dias
Sellem, o leiloeiro Carlos Guilherme
Mother Goose Catia Moreso
Guardião do Hospício João Oliveira

Orquestra Sinfónica Portuguesa
Coro do Teatro Nacional de São Carlos
Maestro titular do Coro Giovanni Andreoli

Dois jovens apaixonados, Tom e Anne, evocam a natureza do amor. Desempregado, Tom recusa um emprego oferecido pelo pai de Anne, proclamando que só a fortuna lhe servirá de guia. Nick Shadow, um visitante, anuncia então que Tom herdara a fortuna de um tio. Tom inicia a sua vida de libertino, visitando um bordel em Londres e abandonando Anne.

Stravinsky sempre se interessou pela encenação musical ao longo da sua carreira de sessenta anos como compositor, embora The Rake’s Progress fosse a única ópera de grande fôlego que escreveu. Nenhum dos grandes compositores do século XX experimentou tantas formas de música dramática como Stravinsky, e é significativo que uma ópera “normal” em três atos como The Rake’s seja nele uma exceção, e não a regra.

Baseado na obra de Hogarth, em The Rake’s Progress Stravinsky soube, como nunca, dar provas da sua enorme capacidade para transfigurar materiais; o compositor serviu-se destes fragmentos temáticos como “matéria-prima”, como motivo iconográfico.

Entrada interdita a menores de 6 anos
Preços bilhetes:

€  20,00 a €  50,00
Descontos: Para beneficiar de descontos terá de se dirigir a um ponto de venda. Os mesmos não se encontram disponívies on-line.

Leave a Reply