COMO O FACEBOOK TENTA GARANTIR QUE NÃO HAJA UM NOVO FACEBOOK

Mark Zuckerberg, dono do Facebook, inventou o Free Basics. Sabe o que é? Não o que o nome indica.

Trata-se de uma parceria com operadoras de telefonia móvel de países em desenvolvimento para fornecer internet gratuita a pessoas pobres. Parece uma boa medida? Como se não trouxesse água no bico…É que o acesso é só para um número limitado de sites e conteúdos filtrados pela empresa de Zuckerberg — Facebook obviamente incluso. Pois, nesta “oferta” só alguns sites estão disponíveis.  Para além disso vai contra a privacidade, pois a empresa guarda os dados de navegação dos usuários — e fornece os dados para a NSA, agência de vigilância do governo norte-americano. E já está presente em 30 países.

facebook-free-basics

Ora, na Índia, o negócio não está a correr muito bem, apesar dos milhares de cartazes postos nas ruas. A Índia é um território estratégico. Com 1,25 bilhões de habitantes, 300 milhões de pessoas usava a internet no final de 2014, e estima-se que o número dobre até 2020.

O próprio Zuckerberg publicitou uma carta de página inteira no principal jornal em inglês do país, The Times of India. Ativistas pela internet livre e neutra estão organizados contra o projeto, e já conseguiram atingir milhões. Criaram o site SaveTheInternet.in, para informar a população.

O serviço foi  bloqueado e o órgão local que regula as telecons, TRAI (Telecon Regulatory Authority of India), decidiu na segunda feira, 8 de Fevereiro, que o serviço fere a neutralidade, pois oferece gratuitamente acesso a apenas parte do conteúdo da rede.

Claro que os gestores do Facebook criticaram o que consideram uma posição retrógrada.

Leave a Reply