Na Fundação Calouste Gulbenkian dia 4 de Março 2016 às 14:30 Os Cidadãos face à crise

Na Gulbenkian – Auditório 3 – dia 4 de Março às 14:30  |  Entrada livre

evento

Os Cidadãos face à crise

Desafios e oportunidades para as cidades europeias

14:00-14:30 Registo

14:30-14:45 Abertura

Isabel Mota, Administradora, Fundação Calouste Gulbenkian

Christophe Bertossi, Diretor do Centro de Migrações e Cidadania do Instituto Francês de Relações Internacionais

14:45-15:00 Movimentos de cidadãos ativos: From refugees to beyond – the case of Hungary

Luca Laszlo, Especialista em movimentos populacionais informais, Fundação para o Desenvolvimento dos Direitos Democráticos, Budapeste

15:00-18:00 Austeridade e a crise dos refugiados: lições de 6 cidades Europeias

Moderador: Jan Willem Duyvendak, Universidade de Amesterdão

João Afonso, Vereador dos Direitos Sociais, Lisboa

Paulette Hamilton, Membro do Gabinete para a Saúde e Apoio Social, Birmingham (a confirmar)

Gergely Karácsony, Presidente de Züglo-Budapeste

Simone Kukenheim, Vereadora para a Educação, Juventude e Diversidade, Amsterdão

Maria Stratigaki, Vereadora para a Solidariedade Social e Igualdade, Atenas

Pauline Veron, Vereadora para a Democracia Local, Participação dos Cidadãos, Organizações da Sociedade Civil, Juventude e Emprego, Paris

eu_flag_europe_for_citizens_co_funded_en_rgb_right_

A participação dos cidadãos tem vindo a ser desafiada por uma década de severa crise económica e financeira, que tem sido acompanhada por divisões nacionalistas e xenófobas que estão a dividir os europeus. Por outro lado, novas formas de participação cívica estão a surgir e a “crise dos refugiados” mobilizou milhares de cidadãos em toda a Europa. Quererá isto dizer que novas formas de cidadania estão a emergir deste contexto complexo? Como poderão as cidades europeias apoiar a sociedade civil a maior e melhor inclusão e participação?

Para debater estas questões, a Fundação Calouste Gulbenkian e o Instituto Francês de Relações Internacionais organizam esta conferência, que junta representantes de seis cidades europeias com características multiculturais – Amsterdão, Atenas, Birmingham, Budapeste, Lisboa e Paris – para um debate sobre as diferentes vias que têm sido adotadas para tratar os desafios da cidadania.

Esta conferência integra o projeto The Making of Citizenship e é a primeira de um conjunto de eventos que contará com a presença dos representantes das autarquias locais destas cidades. O projeto resulta de uma parceria com a Universidade de Amesterdão, a Universidade de Warwick e a Rede Francesa de Institutos de Estudos Avançados.

Informações adicionais: migrations@ifri.org

Bilheteira

Entrada livre

Leave a Reply