REFLEXÃO – CAROS IRMÃOS ANIMAIS HUMANOS . por Adão Cruz

 

Nunca fui pessimista, mas confesso que a minha desilusão é total.

Não corram tanto e parem um pouco par pensar.

A vida é curta, muito curta e feia em relação ao que sobre ela sonhámos.

Que o digam os massacrados e chacinados por esse mundo fora.

Que o digam todos os que, como nós, sentimos diariamente a nossa consciência espezinhada e a verdade enforcada em todos os passos da nossa existência.

Parem um pouco para pensar a sério e não como eles vos obrigam a pensar, sobre o que se passa na Síria, na Palestina, na Coreia e por todo esse mundo fora onde impera a invasão, o assalto, o domínio e o roubo pelo mais forte.

A humanidade está podre, carcomida por um poderoso cancro metastisado por todo o planeta, e cuja origem não há quaisquer dois dedos de testa que desconheçam.

Confrontado com as perversas provocações e diabólicas agressões e massacres que a tantos holocaustos têm conduzido, temo verdadeiramente o holocausto final.

Temo sobretudo a ingénua e ignorante aceitação dos factos, como legítimos, por parte de muitos amigos e não amigos.

Lamento sobremaneira o não reconhecimento do verdadeiro inimigo e a maldosa e irresponsável conclusão de que “são todos iguais”.

Repugna-me a complacência dos “toninhos” da ONU, pedindo contenção (bombardeiem mais devagarinho, p.f.), a colaboração consciente de todos os governos lacaios, o apelar do Papa ao coração dos homens, sabendo que o lugar do coração dos homens é um buraco negro atafulhado de dólares, como aliás acontece na sua igreja.

Grande parte da humanidade está apática, obtusa e alienada, o que faz com que tenha vindo a  transformar-se numa massa amorfa, presa fácil de toda a mentira, de todo o mercantilismo sem valor e de todos os obscurantismos políticos e religiosos.

Caros irmãos animais humanos, no fim da vida, começo a sentir uma certa vergonha de pertencer à raça humana.

 

                                                                                                                      adão cruz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: