“PARQUE MAYER”, novo filme de ANTÓNIO-PEDRO VASCONCELOS, estreia a 6 de DEZEMBRO – carta de VASCO LOURENÇO

Car@sassociad@s

Assisti ontem à antestreia do filme “Parque Mayer” de António-Pedro Vasconcelos.

Em primeiro lugar, quero felicitar o António-Pedro Vasconcelos.

Sem se referir especificamente ao 25 de Abril, presta uma enorme homenagem a essa gesta libertadora. Mostra bem a razão de ser da acção que os Capitães de Abril realizaram e está gravada a letras de ouro na História de Portugal e do mundo.

Obrigado, caro António-Pedro!

Um grande abraço amigo.

Em segundo lugar, quero incentivar-vos a ver o filme que estará nos cinemas a partir de 6 de Dezembro próximo.

Não percam a oportunidade, vejam o filme, que constitui uma enorme lição,mostrando bem o que é uma ditadura, o que foi a “branda” ditadura de Salazar, como aparece sempre “alguém a dizer não”, como é difícil mas também possível lutar pela Liberdade.

Ah, e é um filme muito bem conseguido…

Mais uma vez parabéns, ao António-Pedro Vasconcelos e a toda a sua equipa.

Cordiais saudações e um abraço
Vasco Lourenço

1 Comment

  1. Reviver a historia do Parque Mayer, com uma excelente representação de carinhas larocas e ao mesmo tempo bons atores. Reviver um espaço que faz parte da nossa cultura, mas sobretudo relembrar o que foi uma época em que a expressão livre escolha, era por si só proibida. Lembrar ainda que a revista permitiu dizer coisas muito sérias “a brincar”. Mesmo que fosse só por isso, valeria a pena, mas é muito mais. Vale a pena ver!!

Leave a Reply