CARLOS REIS – GILBERTO GIL -“MÁQUINA DE RITMO”

 

Curiosa e extraordinária fusão de um tema do Gilberto Gil com uma Senhora Orquestra!

Mais uma prova provada de que boas músicas tanto podem ser “simplesmente” cantadas, guitarradas e batidas, como se atreverem a orquestrações deste nível, com um arranjo de sopros e cordas bem dirigido e contrapontado por um maestro que não esconde o seu gosto e prazer e se manifesta pleno de beat.

Mas haverá alguma coisa melhor do que a Música?

Carlos

Autor: Teca Lamboglia from São Paulo, Brasil

 

Obrigado a Biscoito Fino e ao youtube 

Transcrevemos o texto de Biscoito Fino:

Gravado no Teatro Municipal no Rio de Janeiro, em maio de 2012, lançamento do DVD “Concerto de Cordas e Máquinas de Ritmo”, de Gilberto Gil. O repertório contém 21 obras, como ‘Eu Vim da Bahia’, ‘Futurível’, ‘Domingo no Parque’, ‘Expresso 2222’ e a inédita ‘Eu Descobri’. O espetáculo vem sendo apresentado no mundo todo, formado por Jaques Morelembaum, violoncelo, Bem Gil no Violão, Nicolá Krassik no violino e Gustavo Didalva na percussão, que trouxe para o som do conjunto um conceito rítmico de máquinas eletrônicas, um encontro entre o moderno e o antigo, entre o pop e o regional, uma subversão original e irresistível, que é marca do trabalho de Gilberto Gil. Nesta gravação o quinteto foi acompanhado pela Orquestra Petrobrás Sinfônica no concerto do Theatro Municipal do Rio (dentro da série MPB&JAZZ da Orquestra).

 

Leave a Reply