Outro Senhor do Mal – por Octopus

Posted: 21 Oct 2011 04:00 AM PDT .

 

Até que enfim morreu. Tinha que ser: Khadafi era mau.

Fez coisas horríveis, é verdade. Não piores de quanto já fizeram um Obama ou um Cameron qualquer, mas sempre horríveis. E, sobretudo, Khadafi era estúpido: não teve a capacidade de escolher o campo dos Bons. Sobretudo era velho, desactualizado: Khadafi era um dinossauro analógico num mundo digital em contínua evolução.

 

Khadafi pensava que se o petróleo nascia na Líbia, então tinha que pertencer aos Líbios: pode-se dialogar com um individuo destes? Khadafi pensava que um banco central tivesse de que ser controlado pelo governo: ridículo, fora de moda. Khadafi acreditava ainda na resistência, na luta física, quando hoje os grandes conflitos são perpetrados com teclas. Por isso foi morto por tropas especiais camufladas de rebeldes, por alqaedistas armados pelos Americanos.

 

Dizem que lutou até o fim: honra para ele, no meio de burocratas que matam com cortes nas pensões ou banqueiros que arruínam vidas com assets. Nos telejornais podemos ver as imagens do corpo dele, pisado, empurrado por Árabes. É importante que sejam Árabes a fazer isso, todos têm que ver como Khadafi era odiado no seu próprio País. Ao mesmo tempo outras duas mensagens chegam com aquelas imagens. A primeira, a mais evidente, é que foram os Árabes que mataram o homem, não nós ocidentais, que estamos inocentes. Se Khadafi tivesse caído nas nossas mãos, teria sido morto, com certeza, mas só após um processo farsa, não assim no meio da rua. A segunda mensagem, menos palpável mas nem por isso não presente, é que os Árabes são animais: mesmo os que lutam para “libertar” o País deles, são como bestas ferozes que não resistem perante a vista do sangue e do inimigo ferido.

 

Nós, os ocidentais, não somos assim, somos bem educados. Mas que interessa isso num dia como o de hoje?

 

Um outro Senhor do Mal morreu, derrotado pela Justiça: é isso que interessa. Após o bom Bin Laden, após o Número Dois de Al-Qaeda, agora é a vez de Khadafi. Quem sobra? A Coreia por enquanto está debaixo do chapéu chinês, pelo que não conta. Cuba já não é o que era. Chavez? Cão que ladra não morde. Por isso temos Bashar al-Asad, na Síria, e toda a banda de Teheran, no Irão. Um pior do que os outros, todos Senhores do Mal.

 

Não sei porquê, mas se eu fosse al-Asad não faria planos de longo prazo.

 

Ipse dixit.

 

Fonte: http://informacaoincorrecta.blogspot.com/2011/10/outro-senhor-do-mal-cai.html

 

2 Comments

  1. Muito interessante a abordagem deste texto, Carlos Loures.O grupo dos maus armado pelos “bons”, mortes encomendadas, anunciadas e celebradas. E a Civilização? Que raio de século, meu amigoBjo

Leave a Reply