“IDOMENEU, REI DE CRETA”, DE MOZART – LUCIANO PAVAROTTI E ILEANA COTRUBAS NO MET

Wolfgang Amadeus Mozart, nasceu na cidade austríaca de Salzburgo em 27 de Janeiro do ano de 1756, tendo morrido em Viena, em 5 de Dezembro de 1791. Uma vida curta para uma grande obra. Mozart, é um dos maiores vultos da história da música, sendo mesmo por muitos considerado como o maior compositor de todos os tempos. É com óperas de sua autoria que vamos continuar a preencher as sessões da noite, abrindo um novo ciclo – óperas de autores de língua alemã. Apresentamos hoje Idomeneu, rei de Creta, composta em 1781. É uma ópera em três actos com libreto de Giambattista Varesco. Depois de alguns trabalhos   de menor importância, Idomeneu é a primeira grande obra do autor nesta área. Foi estreada em 1786 no Palais Auersperg de Viena.

Vamos ter o especial privilégio de assistir à gravação feita em 1983 no Metropolitan Opera House, de Nova Iorque, com um elenco do mais elevado nível – no papel de Idomeneu, Luciano Pavarotti; no de Electra, Hildegard Behrens; como Ilia, a grande Ileana Cotrubas; Idamante, Frederica von Stade; Arbace, John Alexander; Grande sacerdote, Timothy Jenkins.

A orquestra e os coros do Teatro são dirigidos por outro «monstro sagrado» –  James Levine.

ESTA NOITE, LUCIANO PAVAROTTI E ILEANA

COTRUBAS EM IDOMENEU, REI DE CRETA

E deixamo-vos com algumas cenas do filme Amadeus, que Milos Forman realizou em 1984, lembram-se?

Leave a Reply