ATÉ 25 DE JUNHO – CONCURSO JORNALÍSTICO “OS DIREITOS DA CRIANÇA EM NOTÍCIA” por Clara Castilho

Já aqui tínhamos dado a notícia mas não é demais lembrar. É até o dia 25 de Junho que os trabalhos podem ser apresentados.

 premio

O Prémio Os Direitos da Criança em Notícia foi criado no âmbito do Fórum sobre os Direitos das Crianças e  dos Jovens, com o apoio do Montepio, e tem como objectivo estimular abordagens jornalísticas que divulguem a situação da infância, bem como a forma como os direitos são, ou não, garantidos (proteção, provisão e participação), e que promovam a sensibilização junto da opinião pública para uma nova cultura da criança enquanto sujeito de direitos.

Destina-se a distinguir trabalhos originais nas categorias de Imprensa, Rádio e Televisão e tem periodicidade anual.

A este prémio podem concorrer os/as profissionais de órgãos de Comunicação Social Portugueses com trabalhos nas áreas de Imprensa, Rádio e Televisão (on-line inclusive) que se tenham distinguido na Promoção e Proteção dos Direitos das Crianças e dos Jovens. Cada profissional pode concorrer até 25 de Junho de 2014 com o máximo de três trabalhos que tenha sido publicado, em Portugal, no período compreendido entre 1 de Junho de 2013 e 31 de Maio de 2014.

Aos autores dos trabalhos premiados é atribuído um prémio pecuniário, patrocinado pelo Montepio, de 6.000 euros, repartido equitativamente pelas três categorias.

O Fórum aposta também na atribuição de uma Menção Honrosa a um/a aluno/a finalistas da área de Comunicação Social. Todos/as os/as alunos/as do último ano da licenciatura podem concorrer, até 25 de Junho de 2014, com um trabalho realizado nos anos lectivos 2012/2014 na área da Imprensa, Rádio ou Televisão (on-line inclusive) e que vise a promoção e proteção dos Direitos das Crianças e dos Jovens.

O trabalho do/a aluno/a distinguido com a Menção Honrosa será publicado on-line no Jornal Expresso.

Os trabalhos concorrentes ao Prémio pecuniário e à Menção Honrosa, serão seleccionados por um Júri independente constituído para esse efeito e composto por cinco membros, incluindo profissionais da área da Comunicação Social, dos Direitos Humanos e um representante do Montepio. As decisões do Júri serão tomadas por maioria simples e não serão passíveis de recurso.

 São aceites trabalhos (inclusive os divulgados em plataformas virtuais) das áreas de  Imprensa (abrange trabalhos – crónicas, reportagens ou entrevistas – que tenham sido publicados em órgãos de Comunicação Social públicos ou privados, desde que estes tenham impressão regular), Rádio (crónicas, reportagens ou entrevistas – que tenham sido transmitidos por estações de rádio nacionais ou locais, privadas ou públicas, desde que estas tenham uma atividade regular) e Televisão (crónicas, reportagens ou entrevistas, que tenham sido transmitidos por canais de televisão pública ou privada, desde que estes tenham uma atividade regular).

A candidatura dos concorrentes deverá ser feita através dos formulários próprios para o efeito, que serão disponibilizados, juntamente com este Regulamento, nas páginas Web das instituições que integram o Fórum., a enviar por correio electrónico para os endereços abaixo indicados, ou entregues pessoalmente, ou por correio registado até ao dia 25 de Junho de 2014, na Comissão Nacional de Protecção das Crianças e Jovens em Risco, Avenida dos Estados Unidos da América Nº 39, 5º andar, 1749-062 Lisboa (a/c Maria do Céu Costa). O Júri irá apreciar os trabalhos a concurso durante os meses de Julho e Agosto de 2014.  A Cerimónia de entrega do Prémio terá lugar no dia 20 de Novembro de 2014, aquando das comemorações dos 25 anos da Convenção sobre os Direitos das Crianças.

O Regulamento pode ser retirado do seguinte link 

http://forumsobredireitoscrianca.blogspot.pt/2014/01/regulamento-da-3-edicao-do-premio-de.html

No ano anterior foi a jornalista do Publico, Ana Cristina Pereira quem foi distinguida com este prémio pela sua reportagem com o título “Em nome do interesse na criança”, publicada na edição de 10 de Fevereiro de 2013, assunto que já foi abordado neste blog.

 

Leave a Reply