A EMPRESA EM QUE O FILHO DE JOE BIDEN É DIRECTOR PREPARA-SE PARA A OBTENÇÃO DE GÁS DE XISTO NO LESTE DA UCRÂNIA – por TYLER DURDEN

 Selecção e tradução por Júlio Marques Mota

280px-Up-map

A empresa em que o filho de Joe Biden é director prepara-se para a obtenção de gás de xisto no Leste da Ucrânia.

Tyler Durden

Tyler Durden, Zero Hedge blog, 25 de Julho de 2014

Relembramos o que anteriormente tínhamos  avançado : a guerra da Ucrânia está cada vez mais parecida com o que já se passou na Síria , “ tudo é acerca da  energia.”

Relembramos  igualmente o mapa abaixo em que se mostra a distribuição dos jazigos de   gás de xisto na  Ucrânia, tendo-se em mente que a bacia de Dnieper-Donets, que  é uma zona disputada e extensa que fica na parte oriental da Ucrânia e onde, como todos sabem,  até está agora a alastrar uma sangrenta e devastadora guerra civil, é a principal região produtora de petróleo de e gás da  Ucrânia e  que fornece aproximadamente 90 por cento da produção ucraniana e em que de acordo com a AIA podem ter  42 tcf,  ou seja milhões de milhões de pés cúbicos,  dos recursos do gás do xisto tecnicamente recuperáveis dos  197 tcf    do gás de xisto disponíveis  mas de  extracção arriscada.

Tyler Durden - energiaucrânia

 

Hunter BidenFinalmente, lembremo-nos da  nossa história de Maio onde falámos sobre o  filho de Joe Biden, Hunter, que passou a fazer parte da direcção do maior produtor de gás da Ucrânia Burisma Holdings. A partir do comunicado de imprensa R. Hunter  Biden será responsável pela unidade jurídica das explorações e será responsável pelo fornecimento de apoio   para a empresa entre as organizações internacionais. Sobre a sua nomeação, este  comentou: “o registo histórico de Burisma quanto a inovações tecnológicas e quanto à  liderança da indústria no campo de gás natural significa que esta empresa  pode  vir um elemento fortemente dinamizador da economia da Ucrânia. Como um novo membro da Administração acredito que o meu trabalho de consultoria em matéria  de transparência, de governança empresarial e de  responsabilidade, em termos de expansão internacional e de outras prioridades irá contribuir para a economia e para o benefício do povo da Ucrânia.”

R. Hunter  Biden também é uma figura bem conhecida do público. Ele é presidente do Conselho do Programa Alimentar Mundial dos EUA, conjuntamente com a maior organização humanitária do mundo, o programa alimentar mundial das Nações Unidas. Nesta tarefa , ele concede assistência às pessoas  pobres nos países em desenvolvimento, no combate à fome e à pobreza e ajuda a fornecer comida e educação para as crianças desnutridas  que são cerca de 300 milhões por  redor do mundo

Registo histórico da empresa:

Burisma Holdings é uma empresa privada de gás e petróleo  com activos na Ucrânia e a operar no mercado de energia desde. Até à data, a empresa detém uma carteira com autorizações para desenvolver a exploração de campos na região de  Dnieper-Donets, as bacias dos Cárpatos e de Azov-Kuban. Em 2013, a produção diária de gás cresceu de forma constante e no final do exercício atingiu 11,6 mil BOE (equivalente a barris de petróleo – incl. gás, condensado e petróleo bruto), ou 1,8 milhões de m3 de gás natural. A empresa vende esses volumes no mercado interno através de agentes intermediários locais ou mesmo da  venda  directamente aos consumidores finais.

Agora junte todos estes dados  e o que acontece a seguir deve então tonar-se bastante claro.

* * *

Em resumo a Ucrânia (ou melhor as suas marionetas) decidiu não deixar nenhuma crise (encenada ou não) ou melhor, nenhuma guerra civil a ser desperdiçada  e enquanto a luta se trava por todos os lados, soldados ucranianos estão a ajudar a instalar equipamentos de produção de gás de xisto na zona a leste e perto  da cidade ucraniana de Slavyansk, que é bombeado  nestes  três últimos três meses, segundo residentes locais citados por Itar Tass. A razão para esta corrida? Sob o tempo de paz, o processo deveria levar muitos anos a ser realizado, e durante este período a Europa sob as questões energéticas poderia ficar dependente da ditadura de Putin. Mas lançando-se numa guerra civil poucos se aperceberão do que sobre isto está a ser feito  e muito menos se irão preocupar agora em volta de um processo que se esperava levar anos e anos ou talvez mais de uma década a colocar em  prática  enquanto se iriam defrontar com grandes  objecções populares pela extracção  da partir do xisto, o fracking, possa vir a ser concluído, em vez disso,  apenas em meses !

 Os civis protegidos pelo exército ucraniano estão-se a  preparar  para instalar equipamentos de perfuração. Mais equipamento está a ser transportado para a região ,  disseram, acrescentando que as forças armadas estão a cercar  a área da futura extracção.

O povo de Slavyansk, que está localizado no coração do campo de gás de xisto  de Yzovka, desencadeou numerosas acções de protesto no passado contra este desenvolvimento. Eles ainda queriam convocar um referendo sobre o assunto. Os ambientalistas estão particularmente preocupados com as consequências importantes da hidrofracing, um método utilizado para a extracção de gás de xisto, porque este  implica a utilização de agentes químicos extremamente tóxicos que podem envenenar não apenas as águas do subsolo, mas também a atmosfera. Os peritos reivindicam que não há um único país no mundo que tenha criado e utilizado  um método da utilização de agentes tóxicos prejudiciais no processo do desenvolvimento de depósitos do gás do xisto.

Países como a República Checa, Holanda e França abandonaram os seus  planos para desenvolver depósitos de gás de xisto nos  seus territórios.

Não só eles, mas também a  importante Alemanha, que há duas semanas anunciou que  pararia a perfuração do gás de  xisto  nos  próximos sete anos dadas as grandes preocupações sobre a poluição das águas subterrâneas.

O que  faz claramente que Ucrânia, potencialmente o último lugar com massivos depósitos de gás de xisto e nenhuma proibição da perfuração, depósitos bastante valiosos para aqueles  que querem desenvolver uma grande fonte de obtenção  de gás de xisto, em que também se  reduz a dependência da  Europa no gás de origem russa, é ainda o facto de que  o futuro depende de uma pergunta simples: quem controla a Ucrânia de  leste?

Porque que melhor maneira para  acelerar os  “passos seguintes” do que começar  as perfurações para a exploração do gás no meio da república de Donetsk com  uma guerra civil a ter terríveis efeitos em todos os sentidos  e onde a opinião pública local se terá decididamente deslocado contra os “separatistas locais” no rescaldo da tragédia MH-17.

Uma questão de  humor, talvez um pouco negro: quem irá desenvolver  o campo de gás conjuntamente com Shell (empresa propriedade dos ingleses e dos holandeses: os dois países que detestam ainda mais fortemente Putin no rescaldo do desastre MH-17) tendo a Shell  apresentado  em Maio de 2012 uma proposta para que ter o  direito de desenvolver  o depósito do gás do xisto de Yuzovka?

Burisma, que detém participações para a  produção de petróleo e de gás na  Ucrânia, tem igualmente o direito de desenvolver a exploração dos campos de gás do xisto na bacia de Dnieper-Donetsk de Ucrânia oriental. O mesmo Burisma onde R. Hunter Biden, o filho de Joseph, foi colocado como um dos directores há dois meses atrás.

Tyler Durden, Zero Hedge blog, 25 de Julho de 2014, Company In Which Joe Biden’s Son Is Director Prepares To Drill Shale Gas In East Ukraine, texto disponível em:

http://www.zerohedge.com/news/2014-07-25/company-which-joe-bidens-son-director-prepares-drill-shale-gas-east-ukraine

________

Ver a introdução de Júlio Marques Mota a este texto de Tyler Durden, publicada ontem e anteontem em A Viagem dos Argonautas, em:

http://aviagemdosargonautas.net/2014/07/30/notas-sobre-a-minha-desilusao-acerca-da-politica-da-crise-na-economia-na-politica-e-na-etica-por-julio-marques-mota/

http://aviagemdosargonautas.net/2014/07/31/notas-sobre-a-minha-desilusao-acerca-da-politica-da-crise-na-economia-na-politica-e-na-etica-por-julio-marques-mota-2/

1 Comment

Leave a Reply