Na Gulbenkian dia 1 de Agosto 2015 | Michael Mantler’s Jazz Composer

Na GULBENKIAN – Anfiteatro ao Ar Livre – dia 1 de Agosto às 21,30

michael jazz

Michael Mantler’s Jazz Composer

Jazz em Agosto 15

CHRISTOPH CECH (maestro)

MICHAEL MANTLER (trompete)
WOLFGANG PUSCHNIG (saxofone alto, flauta)
HARRY SOKAL (saxofone tenor e soprano)
DAVID HELBOCK (piano)
BJARNE ROUPÉ (guitarra elétrica)

JOÃO PEDRO BRANDÃO (saxofone soprano, flauta)
JOÃO GUIMARÃES (saxofone soprano, clarinete)
MÁRIO SANTOS (saxofone alto, clarinete, clarinete-baixo)
JOSÉ PEDRO COELHO (saxofone tenor, flauta)
RUI TEIXEIRA (saxofone barítono)
GILENO SANTANA (trompete)
JAVIER PEREIRO (trompete)
(nome a designar) (trompa)
(nome a designar) (trompa)
DANIEL DIAS (trombone)
GONÇALO DIAS (trombone Baixo)
SÉRGIO CAROLINO (tuba)
DEMIAN CABAUD (contrabaixo)
(nome a designar) (contrabaixo)
(nome a designar) (contrabaixo)
MARCOS CAVALEIRO (bateria)

Em 1968, o trompetista austríaco Michael Mantler dirigiu o homónimo álbum histórico da Jazz Composer’s Orchestra, contando com o talento de Carla Bley, Don Cherry, Pharoah Sanders ou Cecil Taylor. Mais de 45 anos depois, Mantler descobriu a intemporalidade do espírito libertador dessa gravação ao transferir o reportório para a Nouvelle Cuisine Big Band, processo fixado no álbum The Jazz Composer’s Orchestra Update, recentemente editado pela ECM External Link. Em exclusivo no Jazz em Agosto, Michael Mantler e os solistas da Nouvelle Cuisine, serão agora acompanhados pela Orquestra Jazz de Matosinhos.

A 32ª edição do Jazz em Agosto decorre entre 31 de Julho e 9 de Agosto com uma série de concertos no anfiteatro ao ar livre da Fundação Calouste Gulbenkian. Em 2015, o Jazz em Agosto é marcado pela presença em Lisboa de grandes formações orquestrais, uma das características que têm firmado a sua identidade ao longo de três décadas, e pela própria intemporalidade do jazz, através da presença de músicos que regressam a projetos do passado para os reinventar ou que, através de novos projetos, realçam a importância do seu percurso. A edição deste ano dedica ainda especial atenção ao saxofonista Mats Gustafsson, com dois projetos, a ambiciosa Fire! Orchestra – no concerto de abertura – e o surpreendente quinteto Swedish Azz. Destaque especial também para a celebração do 50º aniversário da AACM de Chicago, com a presença de Henry Threadgill e Wadada Leo Smith, músicos emblemáticos desta associação.

Preçário

Anfiteatro  15,00€

Leave a Reply