ASSOCIAÇÃO DE COMBATE À PRECARIEDADE – PRECÁRIOS INFLEXÍVEIS – PENSAMENTO CONTRABANDISTA – no PORTO – por ANA ISABEL PEREIRA

MO_Contrabando-8-983x550-2zl45pi09yor5uq56fl4ao

Pensamento “contrabandista” | Porto24 // //

Na rua Mártires da Liberdade, na baixa do Porto, acaba de abrir o ContraBANDO. É um coletivo político e um espaço associativo, que se propõe fazer contracultura. Abriu num imóvel devoluto e quer criar “pontes entre os vários ativismos”.

//

“O ContraBANDO surgiu de uma congregação de várias vontades, de pessoas que chegaram à conclusão que se encontravam em muitos locais, lutas e ações”, começa por explicar Adriano Campos. E que podiam, por que não, ter um teto comum, aonde discutir uma “alternativa à forma de estar, pensar e agir” dominante, completa Teresa Salselas.

Adriano, Teresa e tantos outros encontravam-se nas manifestações organizadas pelo movimento “Que se Lixe a Troika! Queremos as nossas Vidas”, mas também nas ações dos Precários Inflexíveis e na Marcha do Orgulho LGBT, entre outras iniciativas. E uma coisa levou à outra, que é como quem diz à assunção da necessidade de encetar uma “construção coletiva de soluções”. Para isso, era essencial um espaço onde se pudessem encontrar. Esse espaço é o ContraBANDO, inaugurado no passado sábado, dia 18 de julho, no número 83 da rua Mártires da Liberdade, que era mais uma morada abandonada no coração da baixa portuense.

MO_Contrabando-12-300x300

Ver mais em:

http://www.porto24.pt/cultura/pensamento-contrabandista/

Leave a Reply