EDITORIAL – E A SAGA CONTINUA… INAUGURAÇÃO DO SISTEMA ANTI-MÍSSIL NA ROMÉNIA NOTICIADA ONTEM.

logo editorial

Ontem ouvimos na televisão que foi inaugurada uma base de defesa antimíssil na Roménia. Ela já estaria a ser preparada há alguns anos, conforme documenta a notícia a que podem aceder clicando no primeiro link abaixo. Deu direito a uns cavalheiros de ar importante proferirem umas juras de que aquilo que ali não é nada contra a Rússia. Esta por seu lado fartou-se de protestar. Demos uma volta pela imprensa e encontrámos a notícia do Guardian a que podem aceder clicando no segundo link.

É evidente que a rede de defesa antimíssil é uma continuação do velho conflito leste-oeste. E que a rede antimíssil agora inaugurada em Deveselu, Roménia, é orientada contra os russos. Será que estes irão montar outra rede antimíssil em resposta? Mísseis todos têm, ao que julgamos saber. Antimísseis, se ainda não estamos lá, vamos a caminho.

Pela notícia de televisão (será que temos de dizer telenotícia?) que acima referimos, ficámos a saber que o custo da tal base de Deveselu ficou em 800 milhões de dólares. É obra. Os cavalheiros importantes (com gravata, etc.) que nela apareciam, e quase de certeza que devem ser muito bem pagos, são pessoas ligadas à NATO & associados. O problema está aqui. A máquina montada a seguir à Segunda Guerra Mundial para enfrentar o “perigo comunista” continua hoje em dia a funcionar nos mesmos moldes daquela época. Ainda há quem se lembre dos testes sucessivos com bombas atómicas e de hidrogénio nas décadas de 1950 e 1960, a ver qual dos lados rebentava a maior. E ainda falam da Coreia do Norte, que de vez em quando rebenta bombas e atira mísseis. Serão os líderes deste lado melhores que o grande líder de Pyongyang? Melhores que o Kim-Jong-un?

http://www.defensa.com/frontend/defensa/romnia-comea-os-trabalhos-para-instalar-baterias-interceptores-vn10647-vst260

http://www.theguardian.com/world/2016/may/12/us-hails-important-step-as-missile-defences-go-live-in-romania

Leave a Reply