DORINDO CARVALHO E O MISTÉRIO DO HOMEM NA PINTURA, por JOSÉ FERNANDO TAVARES

A exposição de Dorindo Carvalho vai estar patente até 30 de Junho, na Galeria Municipal Vieira da Silva, parque Adão Barata, em Loures.

A Viagem dos Argonautas

José Fernando Tavares

A exposição retrospectiva que Dorindo Carvalho intitulou «Sinfonia do corpo em vários movimentos (1963-2017)», formada por cinquenta obras de desenho e de pintura concebidas a partir de várias técnicas e em diferentes suportes, é representativa do contributo do pintor para a expressão artística do seu tempo: o período compreendido entre a segunda metade do século XX e o primeiro quartel do século XXI, ou seja, o presente. Diríamos: a pungente actualidade.

É certo que nem sempre as fronteiras temporais nos permitem compreender a complexidade de uma obra artística, mas é certo também que o artista é uma consequência, simultaneamente material e espiritual, do tempo que o viu nascer. Basta pensar que o século XX foi o receptáculo alquímico (se assim o podemos designar) no qual se conjugaram e se complementaram todas as dissonâncias e todos os contrapontos da actividade criadora, principalmente no que respeita às tendências e…

View original post mais 2.264 palavras

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: