CTA – GERTRUDE STEIN E ACOMPANHANTE, pela ESCOLA DE MULHERES – no TEATRO MUNICIPAL JOAQUIM BENITE – AMANHÃ, SÁBADO, 29 de FEVEREIRO, às 21 horas, e DOMINGO, 1 de MARÇO, às 16 horas.

 

 

Nuno Vieira de Almeida e Cucha Carvalheiro em Gertrude Stein e acompanhante

 

Gertrude Stein e acompanhante pela Escola de Mulheres no TMJB

 

A Companhia Escola de Mulheres vai estar no TMJB, dia 29 de Fevereiro, às 21h, e dia 1 de Março, às 16h, com o espectáculo Gertrude Stein e acompanhante, de Win Wells com encenação, dramaturgia e encenação de Fernanda Lapa.

A norte-americana Gertrude Stein (1874-1946) foi uma figura de enorme singularidade das belas-letras do século XX no Ocidente, levando para a escrita os processos experimentalistas do Modernismo nas artes plásticas. A sua companheira de uma vida foi Alice Babbete Toklas (1877-1967), sobre quem Stein escreveria uma biografia que se revelou uma cripto-autobiografia, publicada em 1933. Win Wells (1935-1983), dramaturgo norte-americano, foi buscar a uma formulação irónica de Hemingway o título desta sua peça para duas actrizes que põe em cena o fantasma de Stein revisitando a longa ligação entre as duas mulheres. Um amor que floresceu no meio de vários outros proeminentes artistas, visitas lá de casa aos sábados à noite: Picasso, Matisse, Ezra Pound, o próprio Hemingway (com quem Stein terá tido uma relação literária de amor-ódio), entre muitos outros que se juntavam na galeria privada de arte moderna que Stein tinha na Rue de Fleurus.

Nas suas notas de encenação, Fernanda Lapa refere a feição fantástica da peça, na qual o palco é o lugar de reencontro entre mortos e vivos. Um fresco sobre um tempo passado regurgitante de vida, na Paris festiva entre guerras habitada por uma geração de artistas como não houve mais nenhuma até à data. Trinta e cinco anos depois de Embalagem Perdida, no extinto Teatro do Mundo, Cucha Carvalheiro, co-fundadora, com Fernanda Lapa, da Escola de Mulheres, e que interpreta Stein, junta-se de novo no palco a Lucinda Loureiro, que interpreta Toklas. Nuno Vieira de Almeida, ao piano, comenta em palco a acção teatral, com peças musicais do período modernista e de compositores que conviveram com Stein e Toklas.

 

Ficha artística e técnica

 

Texto Win Wells

Tradução Fernando Villas-Boas

Encenação, dramaturgia e versão cénica Fernanda Lapa

Espaço cénico e figurinos António lagarto

 

Intérpretes Cucha Carvalheiro, Lucinda Loureiro e Nuno vieira de Almeida (piano)

Desenho de luz Paulo Santos

Selecção musical Nuno vieira de Almeida

Fotografia Margarida Dias

Assistente de encenação Marta lapa

Mestra de guarda-roupa Aldina Jesús

Assistente do espaço cénico Jesús Manuel

Direcção de produção Ruy Malheiro

 

Co-produção Escola de Mulheres e São Luís Teatro Municipal

 

 

 

TEATRO MUNICIPAL JOAQUIM BENITE | SALA EXPERIMENTAL | M/12

 

29 FEV | SÁB | 21H

01 MAR | DOM | 16H

 

PREÇO: 5€ a 10€

 

 

Miguel Martins

Comunicação

 

 

 

 +351 21 273 93 60 | +351 91 540 70 94
imprensa@ctalmada.pt | www.ctalmada.pt

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: