Posts Tagged: celina pereira

NESTE DIA, 18 de OUTUBRO de 1867, nasceu Eugénio Tavares

  Em 18 de Outubro, mas de 1867, nasceu na Ilha Brava (Vila Nova Sintra), Eugénio Tavares, o grande poeta cabo-verdiano (m. 1 de Junho de 1930). Autodidacta, dominava com perfeição, quer a língua portuguesa, quer o crioulo de Cabo

NESTE DIA, 18 de OUTUBRO de 1867, nasceu Eugénio Tavares

  Em 18 de Outubro, mas de 1867, nasceu na Ilha Brava (Vila Nova Sintra), Eugénio Tavares, o grande poeta cabo-verdiano (m. 1 de Junho de 1930). Autodidacta, dominava com perfeição, quer a língua portuguesa, quer o crioulo de Cabo

“Uma Canção Cinco Vozes…” por Lídia Maria Rocha – Força de Cretcheu

Em alguns casos haverá mais que cinco vozes. Celina Pereira é uma cantora e professora cabo-verdiana. O seu primeiro disco “Força di Cretcheu” foi editado em 1986. Mário de Melo é um cantor natural da Ilha de Santiago (Cabo Verde),

“Uma Canção Cinco Vozes…” por Lídia Maria Rocha – Força de Cretcheu

Em alguns casos haverá mais que cinco vozes. Celina Pereira é uma cantora e professora cabo-verdiana. O seu primeiro disco “Força di Cretcheu” foi editado em 1986. Mário de Melo é um cantor natural da Ilha de Santiago (Cabo Verde),

AUDIO-LIVRO MULTILINGUE DE CELINA PEREIRA APRESENTA HISTÓRIAS TRADICIONAIS DE CABO VERDE

“Estória, Estória… do Tambor a Blimundo” é um áudio-livro multilingue da cantora Celina Pereira,   ilustrado com os apelativos desenhos da italiana Cláudia Melotti, os textos são da autoria de Celina Pereira bem como a adaptação de dois contos de

AUDIO-LIVRO MULTILINGUE DE CELINA PEREIRA APRESENTA HISTÓRIAS TRADICIONAIS DE CABO VERDE

“Estória, Estória… do Tambor a Blimundo” é um áudio-livro multilingue da cantora Celina Pereira,   ilustrado com os apelativos desenhos da italiana Cláudia Melotti, os textos são da autoria de Celina Pereira bem como a adaptação de dois contos de

CELINA PEREIRA CANTA COM DUARTE

Uma morna de Eugénio Tavares interpretada por Celina Pereira e por Duarte num momento do espectáculo Entre Mornas e Fados realizado no S. Jorge em 24 de Julho de 2009.

CELINA PEREIRA CANTA COM DUARTE

Uma morna de Eugénio Tavares interpretada por Celina Pereira e por Duarte num momento do espectáculo Entre Mornas e Fados realizado no S. Jorge em 24 de Julho de 2009.

CELINA PEREIRA CANTA “AVÊ MARIA NO MORRO”

Hoje não apresentamos um tema musical de Cabo Verde. Celina Pereira, a cantora e pedagoga cabo-verdiana, a quem se deve a iniciativa de procurar integrar a morna na lista do Património Imaterial da Humanidade, cantando a famosa composição do compositor

CELINA PEREIRA CANTA “AVÊ MARIA NO MORRO”

Hoje não apresentamos um tema musical de Cabo Verde. Celina Pereira, a cantora e pedagoga cabo-verdiana, a quem se deve a iniciativa de procurar integrar a morna na lista do Património Imaterial da Humanidade, cantando a famosa composição do compositor

CABO VERDE – Celina Pereira canta “Sarawi”

Vídeo Clip da música “Sarawy” interpretada por Celina Pereira, com letra da autoria de A. Rui Machado. A história de Cabo Verde e da sua solidariedade com outros povos africanos. (CD “Música de Intervenção Cabo-Verdiana” de Alberto Rui Machado).

CABO VERDE – Celina Pereira canta “Sarawi”

Vídeo Clip da música “Sarawy” interpretada por Celina Pereira, com letra da autoria de A. Rui Machado. A história de Cabo Verde e da sua solidariedade com outros povos africanos. (CD “Música de Intervenção Cabo-Verdiana” de Alberto Rui Machado).

MORNA DE INTERVENÇÃO -“Sarawy” interpretada por Celina Pereira

Hoje, na rubrica POESIA AO AMANHECER, dirigida por Manuel Simões, a atenção centrou-se em Luís Romano. Se quiser ler, basta clicar neste link https://aviagemdosargonautas.net/2014/01/02/poesia-ao-amanhecer-355-por-manuel-simoes/   Vídeo Clip da música “Sarawy” interpretada por Celina Pereira, com letra de A. Rui Machado.

MORNA DE INTERVENÇÃO -“Sarawy” interpretada por Celina Pereira

Hoje, na rubrica POESIA AO AMANHECER, dirigida por Manuel Simões, a atenção centrou-se em Luís Romano. Se quiser ler, basta clicar neste link https://aviagemdosargonautas.net/2014/01/02/poesia-ao-amanhecer-355-por-manuel-simoes/   Vídeo Clip da música “Sarawy” interpretada por Celina Pereira, com letra de A. Rui Machado.

“BLIMUND” – POR CELINA PEREIRA

A cantora, musicóloga e pedagoga Celina Pereira é uma figura central no processo de candidatura da morna a património imaterial da Humanidade, pois foi dela que partiu a iniciativa. Vamos ouvi-la cantando  ao vivo no Mindelo uma música tradicional “Blimund”

“BLIMUND” – POR CELINA PEREIRA

A cantora, musicóloga e pedagoga Celina Pereira é uma figura central no processo de candidatura da morna a património imaterial da Humanidade, pois foi dela que partiu a iniciativa. Vamos ouvi-la cantando  ao vivo no Mindelo uma música tradicional “Blimund”

MORNA – CELINA PEREIRA E CARLOS ZEL – “BEIJO DE SAUDADE”

As repetições vão existir neste espaço -não procuramos sequer evitá-las -“Beijo de saudade”, uma morna clássica criada por B leza (Francisco Xavier da Cruz) é aqui interpretado pela cantora Celina Pereira e pelo (já falecido) fadista Carlos Zel. Com uma curiosidade:

MORNA – CELINA PEREIRA E CARLOS ZEL – “BEIJO DE SAUDADE”

As repetições vão existir neste espaço -não procuramos sequer evitá-las -“Beijo de saudade”, uma morna clássica criada por B leza (Francisco Xavier da Cruz) é aqui interpretado pela cantora Celina Pereira e pelo (já falecido) fadista Carlos Zel. Com uma curiosidade:

EUGÉNIO TAVARES E CELINA PEREIRA INAUGURAM ESTE ESPAÇO DA MORNA

Começamos hoje a editar diariamente uma rubrica destinada especialmente aos visitantes dos países lusófonos. Para os cabo-verdianos o que vamos dizer neste espaço será desnecessário, pois trata-se de informação de que não precisam – mas em Portugal, no Brasil, em

EUGÉNIO TAVARES E CELINA PEREIRA INAUGURAM ESTE ESPAÇO DA MORNA

Começamos hoje a editar diariamente uma rubrica destinada especialmente aos visitantes dos países lusófonos. Para os cabo-verdianos o que vamos dizer neste espaço será desnecessário, pois trata-se de informação de que não precisam – mas em Portugal, no Brasil, em

A CANETA MÁGICA – AS MORNAS DE EUGÉNIO TAVARES

Associando o nosso blogue à campanha de integração da morna no Património Imaterial da Humanidade, prossigo esta publicação de alguns apontamentos (que vou adequando e actualizando) sobre a literatura de Cabo Verde e a ligação entre a evolução literária e a

A CANETA MÁGICA – AS MORNAS DE EUGÉNIO TAVARES

Associando o nosso blogue à campanha de integração da morna no Património Imaterial da Humanidade, prossigo esta publicação de alguns apontamentos (que vou adequando e actualizando) sobre a literatura de Cabo Verde e a ligação entre a evolução literária e a