Apresentação de “Pangeia, Sala do Exame Privado e a Tacanhez de um Tempo” – de Jaime Alberto do Couto Ferreira

Nesta obra de ficção, um velho professor universitário discorre sobre a sua disciplina, História Sagrada e Teoria da História. Num ambiente dominado pela linguagem coimbrã e a descrição de locais, costumes e episódios da Universidade de Coimbra, são descortinadas as ligações de outros tempos com a Igreja.

 

Esta é «uma obra adulta (de tal forma que, em tempos de símbolos, até merecia ocasionalmente um círculo vermelho no canto superior direito), complexa mas sem complexos», como é descrita no posfácio. Umas interessantes reflexões sobre os diferentes conceitos do tempo, e as últimas são muito perturbadoras…

 

O autor, Jaime Alberto do Couto Ferreira, é professor da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.
Publicou várias obras académicas, em que se destaca a temática dos cereais e das moagens, com A Dessacralização do Pão, Origem do Proteccionismo da Cerealicultura em Portugal e Farinhas, Moinhos e Moagens. Esta é segunda obra de ficção, género em que se estreou em 2010, com Hieracita.

 

Leave a Reply