APRESENTAÇÃO DE “OUTRAS MARGENS”, DE MANUEL G. SIMÕES

Imagem1

Hoje falamos de uma novidade. Nada temos contra as novidades editoriais (principalmente se forem livros de argonautas)

Imagem1No final da tarde da passada quinta-feira, dia 28 de Fevereiro, na Livraria Bulhosa do Campo Grande, em Lisboa, o argonauta Manuel Simões lançou o seu livro  OUTRAS MARGENS – Ensaios de Literatura Brasileira, Angolana, Moçambicana e Caboverdiana. Perante uma boa assistência, uma excelente apresentação feita pelo Dr. José Manuel Vasconcelos, foi antecedida por palavras do editor, o Dr. Fernando Mão de Ferro que salientou o quanto prezava a inclusão no seu catálogo de obras de um autor como o Professor Manuel Simões, aproveitando o ensejo para anunciar o lançamento de  “Tendências Dominantes da Poesia Portuguesa da Década de 50”, do Professor Fernando J. B. Martinho, no dia 20 de Março (uma quarta-feira), às 18h00 na Biblioteca Nacional de Portugal, com apresentação do Professor Doutor Fernando Pinto do Amaral. José Manuel Vasconcelos fez uma apresentação ágil, destacando o carácter “não-académico” destes ensaios escritos por um académico. Lembrando a experiência docente de Manuel Simões que, nas Universidades de Bari e de Veneza, ao longo de três décadas leccionou as cadeiras de Língua e Literaturas portuguesa e brasileira, sendo que as africanas se incluíam na portuguesa, elogiou a acessibilidade de textos depurados da roupagem solene que, na maior parte dos casos, envolve os textos universitários. E frizou que essa depuração em nada prejudicava a densidade dos conteúdos, nem afectava a sua sólida estrutura pedagógica. Dizendo quanto prazer lhe tinha proporcionado a leitura destes ensaios, sugeriu, num aparte, que, após a publicação de O TEMPO COMO ESPECTADOR, com textos sobre a literatura portuguesa e agora com OUTRAS MARGENS, versando sobre as outras literaturas da área lusófona, ficavam a faltar as visões do Professor Manuel Simões sobre a literatura italiana…

Leave a Reply