No Palácio Foz dia 16 de Junho às 19,00 Concerto de Acordeão por Ksenija Sidorova

No Palácio Foz – Sala dos Espelhos – dia 16 de Junho às 19,00

Concerto de Acordeão por Ksenija Sidorova

ksenija

Ksenija Sidorova

Ksenija nasceu na Letónia em 1988. Aos 8 anos de idade, começou a estudar arcordeão, encorajada pela sua avó. Aos 16 anos foi para Londres para estudar com Owen Murray na Royal Academy of Music, onde ganhou prémios enquanto estudante e recebeu o título de Mestre com distinção. Também foi premiada com a Bolsa de Música da Philharmonia Orchestra Martin e recebeu o prémio Philharmonia Orchestra Friends.Ganhou outros prémios, nos quais se incluem Friends of the Royal Academy of Music Wigmore Award, Recomendação Artística de Making Music’s Philip e Dorothy Green Award Scheme,  prémio de The Worshipful Company of Musicians Silver Medal Maisie Lewis. Foi a primeira acordeonista a ganhar o prestigioso WCoM Prince’s Prize. Em 2012, foi artista internacional a ganhar o prémio da fundação Bryn Terfel Foundation.Entre os concertos passados incluem-se actuações com a Orquestra Nacional Sinfónica da Letónia, Sinfonietta Riga, interpretação da Cantata do 20º aniversário da Revolução de Outubro op74 de  Prokofiev, com a Orquestra do Teatro Mariinsky (São Petersburgo, Rússia) e Orquestra Sinfónica da Cidade de Birmingham sob a direcção de Valery Gergiev, as atuações no Royal Festival Hall (Londres) e no Purcell Room (Londres), Colston Hall (Bristol), Festival de Luzern (Suíça), assim como outros festivais no Reino Unido, França, Suíça, Itália e Letónia. Também participou em programas de rádio e televisão do Reino Unido e da Letónia.Outros destaques incluem uma colaboração com o quarteto Belcea, gravação com o quarteto Sacconi, actuações em concertos com Milos Karadaglic, tendo participado no álbum”O violino de prata”  de Nicola Benedetti, um recital a solo na Sala Purcell, concerto com Sinfonietta Riga no Festival de Artes de Cesis (Letónia), e recitais no Festival de Luzern, Festival de Davos, Festival Internacional de Bergen e Lingotto Musica em Turim.Em 2013, os concertos mais notáveis: actuação com a Sinfonietta Riga e com a Orquestra de Câmara de Viena, recitais no Vinterfestspill i Bergstaden in Røros (Noruega), no Festival de Música de Câmara da Austrália, no Festival de Música de Chester e no Festival de Música de Reingau. Foi a convidada de honra do concerto Classic FM no Royal Albert Hall em Londres e no Yellow Lounge em Berlim.Outras colaborações incluem gravações com Milos Karadaglic ,  Nicola Benedetti , Karl Jenkins  e Joseph Calleja. O seu álbum a solo foi lançado em Julho de 2013. Participou no programa de televisão alemão “ Stars von Morgen” com Roland Villazon em Dezembro de 2013.O ano 2014 foi um excepcional, tendo-se iniciado com uma digressão em Janeiro pela Noruega com os famosos Trondheim Soloists. Em Março, colaborou com o compositor  Eric Whitacre no Union Chapel em Londres. No final de Maio, estreou-se com a Kremerata Baltica em Luzern. Outros momentos de especial destaque incluem concertos com Avi Avital na Alemanha, Áustria, Riga e no Reino Unido e concertos com Milos Karadaglic e Thomas Gould. Estreou o seu emocionante programa  de Tango com dançarinos num concerto que esgotou na Opera House, em Riga, como parte do Festival de Riga em Junho. Actou, em Julho, no Festival de Parnu (Estónia) como solista sob a direcção do Maestro Paavo Jarvi. Destacam-se ainda actuações notáveis nos festivais de verão de Llangollen,  Bradfield ,  Chester e Gower.Em Novembro e Dezembro de 2014, Ksenija foi a convidada solista clássica na digressão pela Europa Night of the Proms, tocando em grandes arenas e para audiência de mais de 22,000 pessoas cada noite. Também gravou com Juan Diego Florez e participou juntamente com Daniel Hope e Anne Sophie Von Otter no programa de televisão ARTE lounge. Para 2015 estão a ser planeados mais gravações a solo e colaborações com músicos famosos. Os concertos de 2015 incluem actuações no Reino Unido, Colômbia, Israel, Alemanha, Estónia, Letónia, Brasil, Portugal entre outros e, igualmente, actuações nos Festivais de Verão como o Cheltenham Festival e o Lattitude no Reino Unido.

PROGRAMA

Piotr Londonov  ( 1928 – 1981)
“Scherzo- Toccata”

Artyom Nyzhnyuk (nasc. 1980)
“Sansara”

Sergei Rachmaninow (1873-1943)
Barcarolle op. 10, Nr. 3

Moritz Moszkowski (1854-1925)
Caprice Espagnol op.37

Sergei Voytenko (nasc. 1973)
“Revelation”

Alfred Schnittke (1934-1998)
“Revis Fairytale” (Chichikov’s Childhood, Officials, Waltz, Polka)1

Entrada Livre

Leave a Reply