REFLEXÃO SOBRE REFUGIADOS, PROPOSTA PELA ASSOCIAÇÃO ABRIL, HOJE, DIA 29 DE JUNHO, ÀS 18H30 NA SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES

“Refugiados: uma emergência humanitária”

vieira da silva

Maria Helena Vieira da Silva

Diz o comunicado da Direcção da Associação Abril:

“O que podemos fazer? Como fazer? O que esperamos que os políticos façam?

Acossados pela guerra, perseguições, catástrofes e miséria milhões de pessoas olham para a Europa como a última tábua de salvação, a derradeira esperança de sobreviver ao terror. Para  alcançar a Europa  estão dispostos a arriscar tudo e lutar até ao último fôlego, esperando escapar nas difíceis travessias feitas em condições extremas, através de um  mar onde muitos encontram a sua sepultura. Para agravar cada drama, os fugitivos pagam fortunas às máfias, os novos esclavagistas do sec. XXI, que lucram mais e mais com o recrudescer das guerras.

Perante esta emergência humanitária a União Europeia  mostra-se incapaz de gerir este  fenómeno por falta de verdadeiras políticas de integração e de solidariedade, tanto no acolhimento de migrantes como nos pedidos de asilo. A alternativa parece ser  construir muros…até quando?

É sobre toda esta tragédia histórica que vos propomos uma reflexão e um debate, no próximo dia 29 de Junho, às 18.30, na SPA, com a presença de Cristina Santinho, investigadora na área dos refugiados e a trabalhar com o Conselho Português para os Refugiados e Raúl Ramires, membro da Direcção do MPPM,  conhecedor profundo da problemática do Médio-Oriente.

Contamos convosco e com as vossas contribuições para o debate.”

Leave a Reply