TER ATENÇÃO AO NOSSO BEM ESSENCIAL: A ÁGUA por clara castilho

A plataforma interactiva dQa, criada pela Quercus, permite a qualquer cidadão denunciar situações que possam ameaçar a qualidade da água, informação que pode dar origem a fiscalização das autoridades.

Decorre do projecto dQa – Cidadania para o Acompanhamento das Políticas Públicas da Água,  projecto apoiado pelo Programa Cidadania Ativa – EEA Grants, gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian e financiado pelo Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu (EEA Grants), que está a ser dinamizado pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza em parceria com a APA – Agência Portuguesa do Ambiente e a ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos.

A plataforma destina-se a receber informação dos cidadãos acerca de situações que possam degradar a qualidade da água.

Rio 4
O cidadão só tem de registar-se na plataforma, já a funcionar, e pode assinalar no mapa de Portugal o “ponto crítico” para a água e descrever a situação.

Entre as iniciativas para sensibilizar os decisores políticos e incentivar a participação dos cidadãos em questões relacionadas com a disponibilidade e qualidade da água, estão acções junto de decisores políticos e dirigentes da Administração Pública, nomeadamente para alertar para a necessidade de cumprir a meta de 90% da população portuguesa coberta por sistemas de saneamento.

Mas nada melhor do que ouvir em directo:

 

Leave a Reply