EDITORIAL: A OIT FAZ HOJE 98 ANOS

No dia 11 de Abril de 1919,  era constituída a International Labour Organization (OIT – Organização Internacional do Trabalho, agência da Sociedade das Nações que transitou para a ONU, mantendo no entanto a sua sede em Genebra- Tem hoje 186 estados-membros e representa ministérios do Trabalho dos países aderentes, grémios e sindicatos. Ou seja, os intervenientes no mundo do trabalho – governos, organizações corporativas e laborais, estão representadas na OIT. Em 1969, no seu 50º aniversário, a OIT recebeu o Prémio Nobel da Paz como reconhecimento pele sua acção conciliatória, geradora de consensos. Tentando promover justiça para os trabalhadores ou, pelo menos, limitar  a injustiça e a exploração. Reconhece-se que, entre as diferentes agências dependentes das Nações Unidas, será das menos nefastas, Mas promover uma  justiça social plena, é desiderato que está muito distante.

Em Portugal, nesse dia 11 de Abril de 1919, viviam-se dias agitados. Caíra (em Janeiro) o Governo de José Relvas e tomava posse o executivo de Domingos Pereira e voltava a chamada «República Velha». A instabilidade social era enorme, as greves sucediam.se: Companhia União Fabril, Carris, Companhia das Águas, No mês seguinte era imposta em todo o País a jornada laboral de oito horas e uma nova lei do inquilinato que punha travão ao aumento das rendas, O novo governo emitia legislação nas mais diversas áreas, incluindo a do Ensino público, mas o clima de agitação tecia a passadeira pela qual, sete anos depois, entraria a Ditadura Nacional e depois o Estado Corporativo e Salazar, Nos bairros ricos de Berlim, habitados por opulentas famílias judaicas, um jovem que combatera na guerra recém-terminada, estudante de Belas-Artes, tentava vender os seus quadros. Criadas arrogantes batiam com a porta ma cara do pintor austríaco. Se tivessem comprado os seus quadros, tivessem evitado um dos maiores drams que a História regista. Os quadros de Adolf Hitler nem eram dos piores…

A Primeira Guerra Mundial exibia as suas sequelas.  A Revolução industrial pusera os líderes sindicais a pensa numa legislação  que defendesse os trabalhadores da exploração desenfreada que o capitalismo desencadeara e também pusesse freios no aproveitamento político-partidário que se fazia no seio das lutas laborais. A OIT procurava impor uma ética que protegesse trabalhadores e evitasse especulações políticas em lutas meramente reivindicativas. Muitos dos seus princípios foram integrados na Carta as Nações Unidas. Os princípios da OIT são bonitos, mas são tão +uteis aos trabalhadores como um tratado de heráldica no deserto Sara.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: