FRATERNIZAR – D. Manuel Linda e D. José Cordeiro – E O PORTO AQUI TÃO PERTO, diz um – E EU A VER O PORTO POR UM CANUDO, diz o outro – por Mário de Oliveira

 

Sem que ninguém estivesse à espera, depois de seis meses de “seca”, eis que o super-papa Francisco – nunca outro o foi tanto antes dele, porque ele é o primeiro papa jesuíta, a quem todos os demais chefes de estado devem obediência e reverência e têm de beijar o anel – acaba de nomear D. Manuel Linda, bispo titular das Forças Armadas e de Segurança, para bispo titular do Porto. São assim os desígnios de deus, o do poder religioso que nos quer a todos super-infantis, sempre às suas ordens, dadas através dos seus representantes na terra, os poderosos, não as suas vítimas. O próprio, ao saber-se o escolhido por deus, o do papa de Roma, como bom militar bispo que é, não refilou nem contra-argumentou. E disse, Eis-me aqui, envia-me. E de imediato faz publicar no site da sua nova empresa, a diocese do Porto, uma mensagem de saudação aos seus súbditos, em 10 pontos. Onde não podia faltar a referência aos pobres e excluídos que, no seu escrever, serão objecto dos seus cuidados. Sem nunca deixarem de ser pobres, obviamente. Que seria dos clérigos graúdos e miúdos se não houvesse pobres para eles se lhes referirem, não propriamente para evangelizarem-libertarem-tirarem da sua pobreza imerecida e cientificamente produzida por uma teologia que empobrece e mata?!

Deste modo, D. Manuel Linda pode desde agora dizer urbi et orbi, E o Porto aqui tão perto! Ao contrário de D. José Cordeiro, bispo de Bragança-Miranda, que, nesta altura, sonhava passar pelo Porto a caminho do Patriarcado de Lisboa, onde seria elevado a cardeal e, sabe-se lá, a papa de Roma depois, e que agora tem de dizer, no meio da depressão e frustração em que de repente se vê caído, E eu a ver o Porto por um canudo! Se bem que, esta referência à expressão popular portuguesa, “ver por um canudo”, lhe dê ainda alguma esperança de saltar de Bragança para Braga– ver Braga por um canudo! – cujo arcebispo está quase na idade de se tornar emérito, ao contrário dele, que está aí para durar, durar, como as pilhas duracel. Mas nunca se sabe os desígnios do deus do papa de Roma, para mais, jesuíta, alérgico a cardeais que não alinhem com ele e insistam no fausto e nas orgias de toda a ordem. Sem perceberem que não é por essa via que se ganha a admiração e o aplauso das multidões e até dos grandes grupos financeiros mundiais, todos crentes praticantes do seu deus, o Poder magno, simbolizado no Dinheiro, que tem todos os outros poderes menores ao seu incondicional serviço.

Entretanto, nem o novo bispo do Porto sabe o que o espera, ao aceitar trocar o remanso e o nada-que-fazer da diocese dos militares e dos polícias, para lá das anuais peregrinações a Fátima e a Lurdes, pelo saco de lacraus que vem encontrar à chegada. É certo que aqui tem mais oportunidade de brilhar, de viajar pelo território que é a empresa diocese do Porto, mas não tem praticamente clérigos à altura dos desafios deste início do terceiro milénio e os que tem não têm mãos a medir, não tanto com as actividades pastorais, mas com os seus muitos outros afazeres festivaleiros, próprios de solteirões sem Causas e sem Projectos, nenhuma espiritualidade. E depois aquele montão de dívidas que o seu antecessor, abruptamente, roubado para o céu pela ciumenta senhora de fátima, à qual ele levou a diocese a ajoelhar-se diante da sua imagem cega, surda e muda, deixou a quem lhe sucedesse. Nem o novo bispo sonha. Mas também não é isso que lhe vai tirar o sono, porque conta com a “obediência filial” até dos seus bispos auxiliares, que o aguardam com ansiedade, de tão órfãos que se têm sentido.

Meu caro Manuel Linda, Bispo. Tens-me aqui de braços e coração abertos. Quero encontrar em ti o Bispo da Igreja que está no Porto. Tenho de reconhecer que começas mal. Não me revejo na tua mensagem. Tens por isso de cair na conta de que a fé cristã-religiosa e o seu deus, são inimigos da Fé e do Deus de Jesus. Não me revejo na tua mensagem. Ou te descobres, aos 61 anos, bispo da Igreja-Movimento de Jesus que está no Porto, ou continuas caído na idolatria, a distribuir ópio e encenações às multidões oprimidas e cativas na injustiça. E, neste caso, melhor fora que não tivesses nascido.

www.jornalfraternizar.pt

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

5 comments

  1. António Campos

    Parabéns Dr Mário Oliveira, já tem bispo na sua diocese! E que bispo! Deve saber pegar em armas, já que vai diretamente das forças armadas, e se não sabe, deve saber arregaçar as mangas e trabalhar sem espavento. Pelo menos tratou de dizer numa entrevista que não pretende fazer alarde na comunicação social, Seria alguma indireta para algum bispo???
    Espero que, se ele fizer as tradicionais visitas pastorais pela diocese, e se for à sua aldeia, tenha uma atitude à Papa Francisco e o visite. Se não for na sua casa que seja pelo menos no Barracão da Cultura.

    Gostar

  2. Luis Pereira

    Que pena o bispo de Bragança-Miranda não ter ido para bispo do Porto! Esperamos que vá ao menos para Arcebispo de Braga, e que leve com ele se não a totalidade daquele fantástico staf de que se fez rodear, pelo menos aqueles mais relevantes: o diácono Cruz Vermelha para o aconselhar na gestão dos dinheiros; o padre da peruca para mestre de cerimónias e conselheiro de como angariar dinheiro caído sabe-se lá de onde e ainda uns jovens e quase imberbes adultos para acolitar as missas; a diaconiza da mini saia, para cantorias de salmos de cana rachada e informações de tricas e mechericos; o cabeça de alfinete que pensa que percebe de comunicações sociais para continuar a encher-lhe as páginas das redes sociais de fotografias e notícias a rodos e assim perpetuar a parolice; a pimparelada para conselheiros de aquisição de automóveis, peregrinações de luxo e guarda-roupa.

    Gostar

    • Ana Maria

      O Sr Luís Pereira não sabe o que diz. O Sr Drom José está rodeado de pessoas muito sérias, trabalhadoras, muito honestas e até com capital de Fé. Pelo menos há uma que diz que o tem embora eu, que sou muito ignorante, não saiba o que é isso de Capital de Fé. Vou ali perguntar ao Karl Marx e já venho!

      Gostar

  3. ORA PRO NOBIS

    Padre Mário, agora a sério! Deixe lá o D. José Cordeiro em paz! Que maçada!!! Deixe lá o homem ir para Braga. Mas ir mesmo e não ficar a ver Braga por um canudo. Bragança-Miranda já merece que ele vá pavonear a vaidade para outro lado e que venha alguém de PAZ, HUMILDADE, RECATO e FORÇA para pôr ordem na desordem que se instalou com este vaidoso. Já merecemos um pouco de sossego e BOM SENSO! Deixe-o ir, por favor! IGNORE-O!!!

    Gostar

  4. Mário de Oliveira

    Tanto bom-humor e só agora acabo de dar com ele aqui. Alegro-me com comentários tão ao gosto de Deus, o de Jesus, que não gosta de bispos nem de cardeais nem de papas. Por mais franciscanos que eles se digam, são sempre Poder, e Poder monárquico absoluto e infalível. Sei por Jesus Nazaré, o filho de Maria, que o Humor é o outro nome de Deus que nunca ninguém viu. Porque se atreve a colocar os seres humanos que vemos ainda antes dele próprio que nunca vimos. Semelhante postura política de Deus, o de Jesus, é Humor, como é Amor. Só que destas realidades – Humor e Amor – os clérigos não sabem nada. São peritos em rezas lidas por missais e outros livros de rituais. Do Humor e do Amor, bem como dos praticantes de um e outro, fogem a sete pés, porque eles desmascaram-nos e chamam-lhes fariseus. Dizem coisas nos sermões que nem eles próprios fazem. Aos passeios turísticos, chamam “peregrinações” e “Visitas pastorais”. Felizes, pois, quantas, quantos de nós já vivemos sem clérigos no nosso dia a dia e nos assumimos como pessoas adultas, sem necessidade de tutores. Prossigamos assim como meninas, meninos que continuamente riem, porque continuamente vêem que o rei – o Poder – vai nu. O meu abraço de irmão.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: