ESO NO ESTÁ EN WIKIPEDIA, de LUCÍA CARVALHO – tradução de CID SIMÕES

 

 

 Lucía Carvalho

 

Soy un ente vivo, pensante, creado en el  mar de la información.

Ghost in the Shell (1995)

 

 


***

Tradução de Cid Simões (no blogue http://voarforadaasa.blogspot.com/)

 

ISSO NÃO ESTÁ NA WIKIPEDIA

 

Sou um ente vivo, pensante, criado no  mar da informação.

Ghost in the Shell (1995)

 

Penso na enormidade de consciência virtual

que habita o meu dispositivo móvel

penso em todas essas relações que começaram e terminaram

neste aparelho de quatro ponto sete polegadas e 326 ppi

 

Todos esses toques simbólicos

Os olás

Os, como estás? que estás a fazer? Olha isto

Os Stickers

Emoções traduzidas em emoticons

 

Penso em todos esses meus dados e dos de

que nem sequer são meus

porque aceitamos os termos e condições sem os ler sem nos lerem

Talvez por isso tenho tantos contactos bloqueados

prefiro esconder-me virtualmente

talvez eles se tenham escondido primeiro

 

Penso que já não nos une o tato

nem nada relacionado com a presença física

unem-nos estas histórias de emoticons

estas histórias bloqueadas em termos e condições

estas recordações mutiladas

que eu prefiro não mostrar

mas que não se podem ocultar a esta

imensidão radioativa que guardo no meu bolso

eterna e efémera

 

Uma queda e quebra-se em pedacinhos.

Um intruso e posso ser exposta ante milhões

A minha imagem nos dedos de tantos desconhecidos

 

Uma débil contra-senha

Uma má conexão

e teria que voltar à vida silenciosa

até reiniciar

até renunciar

à minha vida útil

Leave a Reply