PERDEU-SE O BOM SENSO OU PRETENDE-SE TUDO CONTROLAR ? por clara castilho

9349741_b7nUl

Dois acontecimentos recentes fizeram-me pensar que se anda a perder o bom senso, a afastar-se dos principias objectivos do que deve ser uma educação para o desenvolvimento adequado das crianças, no fundo o futuro de todos os países.

O primeiro, foi a notícia de que um aluno de 6 anos tinha sido acusado de assédio sexual, no Colorado. Apaixonado por uma colega um gesto amoroso que terminou numa suspensão de dois dias. Ele conta: “eu curvei-me e dei-lhe um beijo na mão. Foi isso que aconteceu.”. O menino já tinha sido suspenso noutras ocasiões por mau comportamento, mas segundo a mãe, isto ultrapassou os limites. Um executivo distrital defendeu-se com a existência de uma política que existe contra o contacto indesejado. Alguém perguntou se a menina gostou desta demonstração de afecto?

Depois, foi que em Espanha, uma nova lei preliminar da Lei da Segurança e Cidadania, aprovada pelo Executivo de Mariano Rajoy, prevê multas até €1000 para quem jogue futebol na rua. Substituindo uma lei de 1992, passa a considerar que a “prática de jogos ou desportos em espaços públicos que não tenham sido concebidos para tal” deve ser penalizada. Isto porque pode haver risco de dano de propriedades ou pessoas” ou quando houver impedimento do tráfego rodoviário devido a tal prática desportiva. Será isto um facto assim tão frequente? Duvido. É certo que em certas circunstâncias pode ser perigoso, gerar algumas situações de difícil resolução, quem não partiu o vidro da casa do vizinho?

bola na rua

Claro que os movimentos de esquerda estão reagindo e especialistas desportivos alertam para o facto de esta medida ir dificultar o desenvolvimento das habilidades de atletas com poucos recursos monetários que habitem em zonas urbanas. Mais do que os futuros atletas, a mim preocupa-me o desenvolvimento são das crianças que se devem mexer e não ficar em casa, à volta da televisão, do computador e dos jogos electrónicos.

Mas desçamos mais a fundo: neste ataque também se englobam os manifestantes que insultem forças policiais, que façam barulho em frente a edifícios ou habitações de membros do Governo, o acto de filmar polícias ou consumir bebidas alcoólicas.  Está tudo explicado!

Isto ainda não está aprovado, o Parlamento terá que se pronunciar, mas nele o Partido Popular, que governa, tem uma maioria de 44% dos votos…

Mas parece que também na Inglaterra, as autoridades da administração regional de Newark e Sherwood dizem que estão “dando um aperto em jovens que aborrecem moradores”. Mas a decisão administrativa recebeu muito mais críticas dos que elogios. “A multa é maluca” – escreveu um jornal londrino.

Olha se o nosso Governo percebe que pode assim ganhar uns trocos…

 

 

Leave a Reply