JULIO CORTÁZAR  E  O HUMOR. Por João Machado

Hoje, Julio Cortázar faria 104 anos.

A Viagem dos Argonautas

1914 - 1984 1914 – 1984

A primeira vez que ouvi falar do Julio Cortázar foi à volta de 1970. Julgo que foi quando vi Blow-up, o filme do Antonioni.  Fiquei fascinado. Não me perguntem porquê. A verdade é que quando fico fascinado, não sei explicar as razões do fascínio. Mas parece que é assim mesmo; se eu percebesse, já não era fascínio. E parece que há muita gente assim. Mas voltando ao que estava a dizer, percebi que o Michelangelo não tinha inventado a história, andei à procura de onde a teria ido buscar, e então  ouvi falar do Cortázar. Já lá vai tanto tempo… Pela mesma altura vi um livro numa montra, já não sei onde, La Vuelta ao Día en Ochenta Mundos. Sou fã do tocayo, perdão, do Verne, desde miúdo, e achei o título interessante, e vi que o autor era (e continua a ser, claro) o…

View original post mais 638 palavras

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: