COM “ERMIONE”, DE GIOACHINO ROSSINI, PROSSEGUE O CICLO DE ÓPERA ITALIANA

Uma gravação do Festival de Glyndebourne, realizada no magnífico novo teatro de ópera, permite-nos assistir à representação de uma das mais belas, mas  esquecidas,  composições do autor – Ermione,  de Rossini. Ópera trágica em dois actos, com libreto de Andrea Leone Tottola, baseado no drama Andrómaca de Jean Racine, foi estreada em 1819 no Teatro di San Carlo, de Nápoles. Apresenta um elenco de elevada qualidade, com Anna Caterina Antonacci no papel de Ermione, Diana Montague no de Andrómaca, Bruce Ford como Oreste Jorge Lopez-Yanez como Pirro, Paul Austin Kelly no papel de Pilade, Paul Nilon, no de Attalo, Gwynne Howell como Fenicio, Julie Unwin no papel de Cleone, Lorna Windsor no de Cefisa e Oliver Bridge no de Astianatte. O maestro Andrew Davis, dirige a Orquestra Filarmónica de Londres.

LOGO, NA SESSÃO DA NOITE – ERMIONE, DE

ROSSINI

,

Leave a Reply