PARA ONDE VAI O PARTIDO DEMOCRATA ITALIANO?  (2) – POR ANNA ROSA SCRITTORI – tradução de MANUEL SIMÕES

 

 

Com a finalidade de compreender as várias tendências que se agitam no P.D., pode ser útil a análise dos perfis dos candidatos que, no próximo dia 30 de Abril, disputarão a chefia do Partido.

 

1.Matteo Renzi: secretário do P.D. e chefe do governo de 2013 a 2016, Renzi é o herdeiro do “governo iluminado” que se afirmou em Florença já no tempo da “senhoria” renascimental dos Medicis; ao mesmo tempo é um expoente de relevo do catolicismo popular e antifascista que dominou a cidade após a segunda guerra. Conhecimento das relações de força, atenção às questões económicas, racionalidade, sentido da própria autoridade e visão dinâmica do futuro para o Partido e para a Itália, são as características principais de Matteo Renzi que, depois da gravíssima derrota referendária, aspira readquirir a sorte do Partido e do próprio governo com uma forte carga inovativa.

2.Andrea Orlando: o actual ministro da Justiça nasceu na Ligúria de uma família de consolidada educação comunista. A cidade principal do distrito lígure é Génova, cidade de antiga tradição marítima, pátria de navegadores e de exploradores ilustres. No decurso dos séculos a actividade marítima criou na cidade grande atenção para os temas sociais do civismo e do trabalho. Andrea Orlando apresenta-se, portanto, como o herdeiro da tradição de uma típica região industrial do Norte. Apoiado pela esquerda do Partido, o seu programa orienta-se para as mais urgentes questões sócio-económicas, tais como o desemprego, cada vez mais difundido especialmente entre os jovens, a exclusão social que reduziu muitas famílias para além do limiar de pobreza, a total ausência de mobilidade social entre as gerações. Mudar o Partido para mudar a Itália, eis o seu mote de referência.

3.Michele Emiliano: nascido em Bari, ex-magistrado agora presidente da Região Puglia, Emiliano representa as instâncias da Itália meridional, muitas vezes ignoradas pela política nacional. Já no tempo da unificação do Reino de Itália (1861), o Sul era considerado pelos governantes o lugar de beleza primitiva mas muito pouco produtiva. Deste modo, os “campónios” reagiram à arrogância e crueldade dos soberanos sabaudos criando bandos irregulares de bandidos que ditavam as leis às comunidades locais. Depois do advento do fascismo, infelizmente, foram as várias famílias mafiosas a substituir-se ao poder do Estado, sempre ausente. Michele Emiliano é frequentemente descrito como “o candidato populista” à secretaria do P.D.. Na gestão da sua Região aliou-se frequentemente com os representantes do “movimento 5 estrelas” para se opor a medidas do governo central, danosas para os seus concidadãos: recorde-se a sua firme oposição ao “gasduto” proveniente do Azerbaijão e às explorações na Basilicata por parte de companhias petrolífras. Um partido de iguais para dar força política ao secretário, tal é o seu programa.

Perspectivas: a vitória de Matteo Renzi parece certa; as sondagens dão-lhe 60-70% dos consensos contra 25% de Orlando e 12-15% de Emiliano. Pelo número de participantes ao voto (as primárias são abertas também aos não inscritos) poder-se-á compreender se Renzi, nas eleições políticas, conseguirá ultrapassar o limite de 40% dos consensos, previstos pela actual lei eleitoral. Depois dos resultados da primeira volta em França, Renzi já se considera o Macron italiano e declara-se seguro de convencer 40%, ou mais, dos eleitores italianos. Se não for assim, perspectivam-se governos de grandes alianças. Com a veneranda idade de 80 anos, Berlusconi está aquecendo os músculos.

(trad. de Manuel Simões)

About joaompmachado

Nome completo: João Manuel Pacheco Machado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: