UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (200)

CHEGAMOS À 200ª CRÓNICA

Fez há poucos dias quatro anos que começamos esta aventura de escrever e fotografar o Porto.

Tive durante este período alguns momentos de exaltação e outros tantos de desânimo. Exaltação porque escrevia e fotografava e mostrava a minha cidade, e desânimo por entender que poderia fazer muito melhor, uma vez que o que estava a fazer não me parecia com qualidade suficiente. Entretanto, lá pelo meio, muitas semanas de trabalho, de pesquisa, de escolha, de prazer e de entretenimento.

Agradeço a todos quantos, de uma maneira ou de outra, me foram manifestando o seu apreço pelo que eu ia fazendo, criticando-me, sempre de uma forma construtiva e incentivando-me a continuar e a não esmorecer.

Vou continuando a mostrar-vos a minha cidade. Por ventura, e durante mais algum tempo, com menos palavras e mais imagens, como tem acontecido nas últimas semanas.

O Porto é lindo, e merece ser mostrado, mesmo, e apesar de agora, que o incremento do turismo e a fervorosa febre dos imensos fotógrafos amadores aqui do burgo se têm vindo a manifestar com actividade crescente e valiosa, poder parecer que o interesse diminuiu.

O PORTO EM IMAGENS (38)

 

 

 

 

 

 

 

 

.

 

 

 

About José Magalhães

Escrevo e fotografo pelo imenso prazer que daí tiro

7 comments

  1. Pingback: UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (200) | joanvergall

  2. Enquanto tiver força no dedo e o entusiasmo o não abandonar, aguardaremos sempre o CARTEIRO !

    Um bom abraço de gratidão e Amizade.

    Liked by 1 person

  3. EDUARDO MARTINHO

    Parabéns pelo aniversário, continue é importante para nós “tripeiros”
    Um abraço e OBRIGADO

    Liked by 1 person

  4. Mário Fleming

    ……..e veja lá que já são 200 crónicas!!!!
    Não sou muito de viajar na net mas aprecio imenso a sua vontade de divulgar imagens do n/ burgo, bem como interessantíssimos textos. Parabéns e continue a deliciar-nos.
    Sei que quando vejo o seu email sei que é um trabalho útil e com enorme qualidade.
    Como disse inicialmente, sou pouco dedicado a net, mas o mal é meu porque me passam ao lado muitos dos seus excelentes trabalhos.
    Espero que este singelo apreço possa contribuir para a continuação de mais publicações.

    Cumprimentos

    Mário Fleming (Leça da Palmeira)

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: